Parada das Nações: Guiana


Sigla: GUY
Medalhas na história: O 0 | P 0 | B 1 | Total: 1
No Rio de Janeiro... O 0 | P 0 | B 0 | Total: 0

O país sul-americano não possui uma tradição esportiva, apesar de ter estreado em Jogos Olímpicos ainda em Londres 1948 e só ter ficado de fora em apoio ao boicote africano de 1976. A maior delegação de Guiana foi a de Los Angeles 1984, com dez atletas. Quatro anos antes, em Moscou, o país ganhou a primeira e única medalha olímpica, com Michael Anthony.

No Rio de Janeiro, Guiana enviou uma delegação de seis atletas.

Esportes fortes:

Boxe: Responsável pela única medalha olímpica da Guiana. O país não chega a ser uma força no esporte, mas Michael Anthony alcançou o bronze no peso galo em Moscou 1980.

Atletismo: É onde o país tem conquistado os melhores resultados nas últimas edições olímpicas. A corredora Aliann Pompey chegou a três semifinais seguidas nos 400m entre Atenas 2004 e Londres 2012 e Troy Doris chegou a final do salto triplo no Rio de Janeiro, ficando em sétimo.

Aliyah Abrams é a unica atleta de Guiana garantida em Tóquio (Até o momento que esse post foi para o ar) 
Foto: Gyuana Chronicle


Destaque:

Troy Doris (Salto Triplo/ Atletismo) - Finalista do salto triplo no rio de Janeiro, Troy luta pela classificação olímpica para Tóquio para tentar ao menos repetir o feito.

Aliyah Abrams (Atletismo) - Semifinalista no último mundial, a única atleta de Guiana Aliyah Abrams vai para sua segunda olimpíada com mais experiência e espera conseguir o salto para chegar à final dos 400m rasos

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes