Últimas Notícias

Pré-olímpico Sul-americano de Futebol masculino - Dia 8



O Brasil passou sustos na defesa, mas graças a força do seu ataque conseguiu uma importante vitória contra Bolívia e se garantiu no quadrangular final do pré olímpico da conmebol de futebol masculino, que está sendo disputado na Colômbia.

Começando a partida com Renier de titular, pois Pedrinho foi poupado com dores na coxa, o Brasil deu a impressão que golearia facilmente, com Antony marcando aos 2 minutos de jogo após cruzamento rasteiro de Paulinho, e Mateus Cunha, que recebeu em posição duvidosa passe de Renier para fazer 2 a 0 aos 15 minutos.

Mas se a Bolívia não mostrava ter uma boa defesa, no ataque a equipe era competente. Vaca achou um espaço para Abrego dominar entre Guga e Nino para diminuir. Ainda no primeiro, o Brasil fez o terceiro, com Mateus Henrique encontrando Guga livre para concluir.

No segundo tempo, saiu o quarto gol brasileiro, com Renier após outro belo passe de Paulinho. com  4 a 1, a seleção deu uma acomodada  na defesa com atuações ruins de Robson Bambu e Caio Henrique e recolocou a Bolívia no jogo, com ouro gol de Abrego e Reyes. O jogo tomou contornos dramáticos no fim, mas Pepê nos acréscimos deu números finais ao jogo, Brasil 5 a 3.

No outro jogo, O Uruguai venceu o Peru por 1 a 0, com gol de Ginella e como já fez seus quatro jogos, vai ter que torcer por resultados para se classificar para o quadrangular final.

Quarta é dia de folga e na quinta (30), teremos a última rodada do grupo A, que definirá a segunda seleção do grupo classificada para o quadrangular final:

Venezuela x Argentina
Colômbia x Chile

foto: Lucas Figueiredo/CBF

0 Comentários

.

APOIE O SURTO OLÍMPICO EM PARIS 2024

Sabia que você pode ajudar a enviar duas correspondentes do Surto Olímpico para cobrir os Jogos Olímpicos de Paris 2024? Faça um pix para surtoolimpico@gmail.com ou contribua com a nossa vaquinha pelo link : https://www.kickante.com.br/crowdfunding/ajude-o-surto-olimpico-a-ir-para-os-jogos-de-paris e nos ajude a levar as jornalistas Natália Oliveira e Laura Leme para cobrir os Jogos in loco!

Composto por cinco editores e sete colaboradores, o Surto Olímpico trabalha desde 2011 para ser uma referência ao público dos esportes olímpicos, não apenas no Brasil, mas em todo o mundo.

Apoie nosso trabalho! Contribua para a cobertura jornalística esportiva independente!

Digite e pressione Enter para pesquisar

Fechar