Mundial de Remo 2017 - Dia 6 - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Mundial de Remo 2017 - Dia 6

Compartilhe

Dia agitado na cidade americana de Sarasota nesta sexta-feira (29), já que foram distribuídas as primeiras medalhas do Mundial. Ao todo, 7 finais foram disputadas, sendo de 1 prova paralímpica e 6 provas não olímpicas, em que o Brasil teve um grande dia, faturando 2 medalhas, sendo 1 de ouro e 1 de bronze.

No Skiff duplo misto paralímpico PR3, barco formado por remadores que possuem mobilidade nas pernas, troncos e braços, a dupla brasileira formada por Diana de Oliveira e Jairo Klug conquistou a medalha de ouro, com o tempo de 7:28.95, colocando quase 6 segundos de vantagem sobre os franceses Antoine Jesel e Guylaine Marchand, que ficaram com a prata. A dupla alemã formada por Jessica Dietz e Valentin Luz ficou com o bronze.

A segunda medalha brasileira veio no Dois sem peso leve masculino, em que os brasileiros Xavier Maggi e Willian Giaretton conquistaram a medalha de bronze, com o tempo de 6:35.30. O ouro ficou com os irlandeses Mark O'Donovan e Shane O'Driscoll, com o tempo de 6:32.42, quase 2 segundos à frente dos italianos Giuseppe Di Mare e Alfonso Scalzone, que ficaram com a prata.

Outro brasileiro que disputou final nesta sexta foi Uncas Batista, no Skiff simples peso leve masculino, entretanto, ele não teve a mesma sorte dos demais, ficando em 6° lugar. O ouro ficou com o irlandês Paul O'Donovan, com o tempo de 6:48.87, quase 4 segundos à frente do neozelandês Matthew Dunham, que ficou com a prata. O bronze ficou com o norueguês Kristoffer Brun.

Na final do Skiff simples peso leve feminino, o ouro ficou com a sul-africana Kirsten McCann, com o tempo de 7:38.78, mais de 2 segundos à frente da holandesa Marieke Keijser, medalhista de prata. O bronze ficou com a americana Mary Jones.

Na final do Dois com cox masculino, o ouro ficou com a Hungria, com o tempo de 6:54.80, quase 2 segundos á frente da Austrália, que ficou com a prata. A Alemanha completou o pódio.

Na final do Skiff quádruplo peso leve masculino, o ouro ficou com a França, com o tempo de 5:51.85, com a Grã Bretanha ficando com a prata e a Grécia com o bronze. Já na final do Skiff quádruplo peso leve feminino, melhor para a Itália, que ficou com o ouro com o tempo de 6:33.97, colocando 1 segundo e meio de vantagem sobre a Austrália, que ficou com a prata, com a China completando o pódio.

Na semifinal do Skiff simples masculino paralímpico, o brasileiro Rene Pereira terminou em 3° lugar na sua série, conseguindo vaga para a Final.

Na Final D do Skiff simples masculino, o brasileiro Lucas Ferreira terminou em 6° lugar, ficando em 24° lugar na classificação geral.

Foto: FISA


Nenhum comentário:

Postar um comentário