Com três remanescentes do Rio 2016, é convocada seleção masculina do Brasil de Polo Aquático para o Mundial

Os 13 jogadores da seleção brasileira de polo aquático masculino foram definidos para o Mundial dos Esportes Aquáticos de Budapeste, de 14 a 30 de próximo mês. O Brasil estreia contra o Cazaquistão no dia 17 de julho. Ainda na fase de classificação, a equipe brasileira enfrenta Montenegro, dia 19, e o Canadá, no dia 21. 

Os convocados, com três remanescentes da equipe que disputou os Jogos Olímpicos Rio 2016, pertencem a quatro clubes de São Paulo e a dois do Rio de Janeiro: Leonardo Silva (goleiro), da Associação Bauruense de Desportos Aquáticos (ABDA); os irmãos Ricardo Guimarães e Gustavo "Grummy" Guimarães, do Pinheiros; Bernardo Reis Rocha e Roberto Freitas, do Sesi; Gustavo Coutinho e Anderson "Canhoto" Cruz, do Paulistano; Slobodan Soro (goleiro), Guilherme Almeida e Luis Ricardo Silva, do Botafogo; e Heitor Carrulo, Pedro Stellet e Mateus Stellet, do Flamengo

Grummy, Soro e Bernardo Rocha estavam na equipe brasileira, 8ª colocada nas Olimpíadas do Rio.

A comissão técnica será formada pelo técnico Ângelo Coelho; o preparador físico Willians Morales; o vídeo-analista João Brandão; e o médico Claudio Cardone, além do coordenador Paulo Rogério Rocha e a árbitra Natacha Florestano. 

Brasil, Cazaquistão, Montenegro e Canadá estão na chave A. Os outros grupos estão assim constituídos: B = França, Austrália, Itália e Hungria. C = Espanha, Sérvia, Grécia e África do Sul. D = EUA, Japão, Croácia e Rússia.

Foto: Divulgação


0 Comentários