O COI decide recomendar a exclusão da Luta dos Jogos de 2020 - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

O COI decide recomendar a exclusão da Luta dos Jogos de 2020

Compartilhe






O COI (Comitê Olímpico Internacional) confirmou agora há pouco, em Lausanne (SUI), que recomendará a exclusão da Luta do programa Olímpico dos Jogos de 2020.

A decisão abrirá caminho para um novo esporte, ou até mesmo o retorno da Luta ao programa. A Luta se junta ao Beisebol/Softball, Caratê, Escalada Esportiva, Esporte sobre Patins, Squash, Wakeboard e Wushu na disputa por essa vaga que foi aberta.

A escolha pela exclusão da Luta veio após uma votação secreta entre os membros da Mesa Executiva do COI. Sendo que Jacques Rogge, o presidente do COI, não votou.

A decisão definitiva será tomada na sessão do COI que será realizada em Setembro desse ano, em Buenos Aires (ARG). Mas nunca uma decisão da Mesa Executiva do COI foi revogada em uma sessão, o que torna muito difícil a situação da Luta.

O comitê tomou essa decisão após estudar os relatórios de todos os esportes durante os Jogos de Londres.

Desde o retorno dos Jogos Olímpicos, apenas em Paris 1900 a Luta esteve fora do programa Olímpico.

O Taekwondo, o Hoquei na Grama e o Pentatlo Moderno também corriam grande risco de ser o escolhido, mas sobreviveram a ameaça do corte após a analise dos relatórios, que continham informações sobre a audiência, popularidade, venda de ingressos, anti-doping entre outras áreas.

Lembrando que o Golfe e o Rugby Sevens farão sua estreia nos Jogos de 2016.

Nenhum comentário:

Postar um comentário