FIFA obriga os clubes a liberar os jogadores abaixo de 23 anos para os Jogos Olímpicos.

A FIFA determinou hoje que os clubes serão obrigados a liberar os jogadores até 23 anos que forem convocados pelas suas seleções para os Jogos Olímpicos de Londres, o que promete mais tensão entre os clubes e a entidade maior do Futebol.

As Olimpíadas não fazem parte do calendário internacional da entidade, e por isso, os clubes não eram obrigados a ceder seus jogadores. Tanto que em 2008, houveram muitas negociações entre os clubes e as seleções para as suas liberações. Houve até momentos de estresse entre clubes e jogadores, como no caso de Rafinha (atualmente no Bayern de Munique), que chegou a desertar o seu clube na época, o Schalke 04, para disputar os Jogos Olímpicos pelo Brasil. 

O torneio Olímpico de Futebol Masculino começa dia 26 de julho e já tem 13 dos 16 participantes confirmados: Grã Bretanha, Coréia do Sul, Japão, Emirados Árabes Unidos, Gabão, Marrocos, Egito, Brasil, Uruguai, Nova Zelândia, Espanha, Suíça e Bielorrússia.

APOIE O SURTO OLÍMPICO EM PARIS 2024

Sabia que você pode ajudar a enviar duas correspondentes do Surto Olímpico para cobrir os Jogos Olímpicos de Paris 2024?

Faça um pix para surtoolimpico@gmail.com e nos ajude a levar as jornalistas Natália Oliveira e Laura Leme para cobrir os jogos in loco.

Composto por cinco editores e sete colaboradores, o Surto Olímpico trabalha desde 2011 para ser uma referência ao público dos esportes olímpicos, não apenas no Brasil, mas em todo o mundo.

Apoie nosso trabalho! Contribua para a cobertura jornalística esportiva independente!

Postar um comentário

To Top