Parada das Nações: Armênia



Sigla: ARM
Medalhas na história: Ouro  2 | Prata 6 | Bronze 6 | Total: 14
No Rio de Janeiro... Ouro 1 | Prata 3 | Bronze 0| Total: 4

Ex-república soviética, a Armênia estreou nos Jogos no ano de 1996 faturando um ouro, de cara, com Armen Nazaryen na Luta Greco-Romana. Desde então, os armênios não venceram mais nos Jogos, mas sempre medalhando (exceto em Atenas 2004).

No Rio de Janeiro, os armênios faturaram medalhas nas modalidades onde o país tem alta participação no cenário mundial: duas na Luta Olímpica - incluindo um ouro - e duas no Levantamento de peso.

Esportes fortes:

Levantamento de Peso: O levantamento de peso armênio tem o costume de faturar medalhas em Olimpíadas (foram sete, de 2000 até 2016). Mas por ter mais de 10 violações de doping em recentes testes, o país só poderá qualificar apenas quatro atletas, dois em cada gênero, o que ameaça a possibilidade de medalhas..

Luta Olímpica: O esporte mais prestigiado na Armênia trouxe uma leva de bons resultados nos campeonatos mundiais. Das 14 medalhas olímpicas do país, 8 foram na modalidade e a expectativa é de mais conquistas em Tóquio, principalmente com a presença de Artur Aleksanyan.



Destaque:

Artur Aleksanyan (Luta): Aleksanyan é novamente o homem a ser batido na categoria até 97kg da Luta Greco-Romana. No ciclo rumo a Tóquio, o atleta foi campeão mundial em 2017 e prata em 2019. O armênio quer o bi olímpico após o ouro em 2016.

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes