Guia Parapan 2019 - Judô



Dias: 24 e 25 de agosto
Classifica para Tóquio? Não dá vaga direta, mas a competição conta pontos para o Ranking paralímpico

Disputado por deficientes visuais divididos por categoria de peso, no judô paralímpico a principal diferença é que o judoca começa a luta segurando o quimono do adversário, com a luta sendo interrompida quando o atleta perde o contato com esse quimono. Além disso, os judocas não são punidos por saírem da área do tatame

Os principais destaques do Brasil na modalidade são Alana Maldonado, campeã mundial em 2018, a lenda do judô Antônio Tenório, de 49 anos e Lúcia Teixeira, prata nas Paralimpíadas de Londres e do Rio de Janeiro. Com muitos novos valores, o judô do Brasil deverá relevar valores que brilharão em Tóquio. Os judocas cubanos deverão ser os maiores adversários do Brasil no Parapan. 

foto: IPC/Divulgação

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes