Em atitude rara, CAS decidirá sobre o caso de doping envolvendo Sun Yang em julgamento público


O caso do nadador chinês Sun Yang que destruiu ampolas contendo seu sangue ao constatar irregularidades dos fiscais será feito em público, ao contrário do que geralmente acontece, o Tribunal Arbitral do Esporte (CAS) declarou. 

A Agência Mundial Anti-Doping (WADA) apelou ao CAS contra uma decisão da Federação Internacional de Natação em liberar Sun de qualquer julgamento após o teste-surpresa feito em setembro. O CAS declarou ser apenas o segundo caso aberto ao público, e o primeiro desde 1999, em que também envolveu a Fina contra a nadadora irlandesa Michelle Smith de Bruin.

O atleta de 27 anos negou ter qualquer culpa e disse ter feito o que fez pensando nos atletas. Seus advogados comentaram que o campeão olímpico estava buscando um julgamento aberto para finalmente limpar seu nome.
Ele já ficou suspenso por três meses em 2015 ao tomar um estimulante recém-banido para problema de coração. Assim, uma segunda suspensão potencialmente o pode deixar fora das Olimpíadas de Tóquio.

Foto: Reuters / Stefan Wermuth

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes