Campeonato Mundial Júnior de Patinação Artística: Dia 2



Dia de grande domínio da Rússia no Campeonato Mundial de Patinação Artística, que está sendo disputado em Zagreb, Croácia. Nas duas provas do dia—Pares e Dança no Gelo—as duplas do país ocuparam quase todas as três primeiras posições, com a exceção ficando por conta dos canadenses LaJoie e Lagha, que venceram a Dança Rítmica-Tango. No programa livre de Pares, vitória de Mishina e Galliamov (foto), com um pódio totalmente russo.

Dança no Gelo:

Marjorie Lajoie e Zachary Lagha foram seguros, ágeis e surpreenderam: com 70.14 pontos, deixaram para trás as duplas russas favoritas ao título e venceram a Dança Rítmica-Tango. Em segundo, com 68.69 pontos ficaram  Elizaveta Khudaiberdieva e Nikita Nazarov, e em terceiro os medalhistas de ouro do Grand Prix Junior de 2018, Sofia Shevchenko e Igor Eremenko, com 67.56 pontos.

LaJoie e Lagha conseguiram seu melhor resultado na temporada, e comentaram a melhora de sua performance em relação à final do Grand Prix Junior, onde ficaram na quarta posição: "na final do Grand Prix Junior tivemos um monte de problemas com os pontos técnicos, então isso é o que trabalhamos mais".

20 das 31 duplas inscritas se classificaram para a competição de Dança Livre, que decide as medalhas. A Dança Livre do Grand Prix Junior de Patinação Artística deve acontecer no sábado, dia 9, às 8:30 da manhã (horário de Brasília)

Pares:

Na disputa 100% russa, ganhou quem errou menos. Anastasia Mishina e Aleksandr Galliamov tiveram uma queda mas capricharam na execução técnica do resto do programa e conseguiram a medalha de ouro por uma margem estreitíssima de pontos: 188.74 na somatória final contra 188.17 de Apollinariia Panfilova e Dmitry Rylov, que ficaram com a prata.

O resultado foi bastante comemorado por ambos os pares, e recebido com especial surpresa por Rylov: "Estou em choque sobre a prata. Eu pensei que a gente ia ficar com o bronze como em todas as outras competições." A dulpa dele com Panfilova foi a única das quatro primeiras que não teve quedas no programa, mas teve um erro numa sequência de saltos que causou o rebaixamento do elemento e uma grande perda de pontos técnicos.

Os líderes da classificação no programa curto, Polina Kostiukovich e Dmitrii Ialin, também da Rússia, não tiveram um bom dia. Com um programa ousado, mas cheio de erros, acabaram caindo na classificação e ficaram apenas com a medalha de bronze. Kostiukovich, que disputou a prova no mesmo dia em que completou 16 anos, ainda avaliou o resultado como positivo: "Foi uma grande experiência para nós, foi nosso segundo Mundial Júnior. Ficamos com a prata no ano passado e agora com o bronze. Esperamos no próximo ano ganhar o ouro."

Todas as tabelas com resultados, agenda de apresentações em horário local e súmulas detalhadas de julgamentos do Campeonato Mundial Júnior de 2019 estão disponíveis AQUI, no site oficial de resultados do evento.

Foto: ISU

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes