Rússia alega que o COI é "estúpido" por congelar os preparativos para o boxe em Tóquio 2020

O secretário-geral da Federação Russa de Boxe (RBF), Umar Kremlev, criticou a decisão do Comitê Olímpico Internacional (COI) de interromper o planejamento do torneio olímpico em Tóquio 2020, alegando que o COI "desmoronará mais rápido antes do boxe ser removido do programa".

Em uma resposta fortemente enérgica à decisão do Comitê Executivo do COI anunciada ontem, Kremlev afirmou que eles foram "estúpidos" depois de encerrar o evento de boxe nos Jogos Olímpicos de 2020 e lançar um inquérito sobre a Associação Internacional de Boxe (AIBA) por causa de várias preocupações com a entidade.

O inquérito, que será presidido pelo membro do Conselho Executivo do COI, Nenad Lalovic, avaliará essas preocupações, incluindo a eleição de Gafur Rakhimov como Presidente no mês passado.

Os resultados da investigação poderiam levar o COI a suspender a AIBA, um movimento que acabaria com o direito do órgão regulador conturbado de organizar uma competição olímpica de boxe.

O diretor esportivo do COI, Kit McConnell, afirmou, no entanto, que "o objetivo ainda é ter um torneio olímpico de boxe em Tóquio 2020" e prometeu aos atletas que farão tudo o que puderem para garantir que isso ocorra.

O inquérito será conduzido nos próximos meses antes de o comitê fornecer uma recomendação ao Comitê Executivo do COI.

McConnell revelou que o objetivo é ter a confirmação final sobre se haverá um evento olímpico de boxe - e quem irá organizá-lo - na sessão em Lausanne em junho de 2019.

O presidente-executivo do Tóquio 2020, Toshirō Mutō, também citou junho como a data em que uma decisão final será tomada, embora tecnicamente isso seja do COI e não do Comitê Organizador.

O cronograma foi questionado pela Federação Japonesa de Boxe, cujo presidente, Sadanobu Uchida, afirmou que a data de junho era "muito tarde", já que são 15 meses antes do início de Tóquio 2020.

A AIBA afirmou ter recebido com satisfação o lançamento do inquérito em um comunicado, no qual Rakhimov, descrito como um dos "principais criminosos do Uzbequistão" pelo Departamento do Tesouro dos Estados Unidos, repetiu sua negação de irregularidades.

Rakhimov foi mencionado diretamente como uma razão por trás dos problemas enfrentados pela AIBA pela primeira vez pelo COI em um comunicado ontem.

Ele assegurou ao COI que as acusações contra ele eram "falsas alegações do regime anterior do meu país".

Rakhimov, eleito presidente contra a vontade do COI no Congresso da AIBA em Moscou no mês passado, afirmou que está ansioso para compartilhar todas as informações sobre a situação financeira da AIBA - outra preocupação importante do COI - com a Comissão de Inquérito.

Ele prometeu "abordar estas áreas e quaisquer outras questões que possam ter para que possamos voltar aos preparativos em grande escala para Tóquio 2020".

A gestão financeira e a integridade de suas competições estão entre as outras áreas de preocupação que o COI tem com a AIBA.

"Eu gostaria de agradecer ao Conselho Executivo do COI por seu trabalho abrangente e assegurar-lhes que a AIBA está comprometida em melhorar em qualquer área onde eles tenham preocupações", disse Rakhimov.

"Durante todo este processo, a AIBA permaneceu comprometida com o Movimento Olímpico e os valores olímpicos".

Kremlev, eleito para o Comitê Executivo da AIBA no mês passado é um forte apoiador de Rakhimov, também procurou minimizar o impacto da decisão do COI.

Ele insinuou que não era "terrível" para o esporte e para a AIBA.

Outras organizações, incluindo a Sport Ireland, admitiram preocupação com a decisão tomada pelo Conselho Executivo do COI.

O diretor executivo da Sport Ireland, John Treacy, citou o sistema de qualificação - também congelado pelo COI, além de venda de ingressos, contato entre a AIBA e o Comitê Organizador, planejamento de eventos e finalização do cronograma de competição para o esporte - como um medo particular.

Esses medos são aprofundados pelo fato de que o boxe é o esporte olímpico mais bem-sucedido da Irlanda, com 16 medalhas conquistadas no total, um a mais do que todos os outros esportes juntos.

Foto: Getty Images

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes