Últimas Notícias

Uma vitória e uma derrota em Eastbourne: Thiago Wild avança no ATP 250 e Luisa Stefani cai no WTA 500

Foto: Juarez Santos

 O dia dos brasileiros no circuito mundial começou como um copo meio cheio e meio vazio, nesta terça-feira (25), dois jogos movimentaram as quadras do complexo de Eastbourne, na Inglaterra. Abrindo a rodada, Thiago Wild venceu o australiano qualifier James McCabe por duplo 6/4 pelo ATP 250, enquanto Luisa Stefani e sua parceira neerlandesa Demi Schuurs perderam para as britânicas Dart/Lumsden por 7/5 6/4. Laura Pigossi e a dupla brasileira Melo/Matos ainda jogam hoje.

O paranaense Thiago Wild começou sua campanha em Eastbourne com vitória sobre o australiano James McCabe ao marcar duplo 6/4. O brasileiro abriu 2/0 no primeiro set com vitória em games longos, em seguida James virou para 2/3. Wild aproveitou série de três games no final do set para marcar 6/4 e 1x0, com dois set points perdidos. No segundo período, Thiago e James alongaram games e confirmaram saques com um break point salvo por cada tenista. Repetindo o primeiro set, Wild venceu os três games finais e anotou 6/4 para fechar em 2x0 a série. O paranaense joga contra Taylor Fritz na segunda rodada.


A paulista Luisa Stefani e a neerlandesa Demi Schuurs foram derrotadas pelas britânicas Harriet Dart e Maia Lumsden por 7/5 6/4. Luisa e Demi começaram o confronto fazendo 3/0, com quebra sobre Maia e Harriet, que devolveram a diferença empatando em 3/3. Após saques confirmados, Dart e Lumsden furaram o saque de Stefani e Schuurs em 5/5 e fecharam em 7/5 após três games seguidos e um set point desperdiçado. Na segunda parcial, as duplas jogaram games seguros e confirmaram serviços até o 7° game, quando Harriet e Maia furaram saque da brasileira e da neerlandesa, que salvaram sete match points antes de sofrerem derrota por 6/4 e 2x0.

0 Comentários

.

APOIE O SURTO OLÍMPICO EM PARIS 2024

Sabia que você pode ajudar a enviar duas correspondentes do Surto Olímpico para cobrir os Jogos Olímpicos de Paris 2024? Faça um pix para surtoolimpico@gmail.com ou contribua com a nossa vaquinha pelo link : https://www.kickante.com.br/crowdfunding/ajude-o-surto-olimpico-a-ir-para-os-jogos-de-paris e nos ajude a levar as jornalistas Natália Oliveira e Laura Leme para cobrir os Jogos in loco!

Composto por cinco editores e sete colaboradores, o Surto Olímpico trabalha desde 2011 para ser uma referência ao público dos esportes olímpicos, não apenas no Brasil, mas em todo o mundo.

Apoie nosso trabalho! Contribua para a cobertura jornalística esportiva independente!

Digite e pressione Enter para pesquisar

Fechar