Últimas Notícias

Luisa Stefani estreia nesta quarta-feira nas duplas do WTA 500 de Abu Dhabi

Foto: Divulgação


Luisa Stefani, número 36 do mundo de duplas, tem estreia nesta quarta-feira (8) na chave de duplas no WTA 500 de Abu Dhabi, nos Emirados Árabes, evento no piso duro com premiação de US$ 780 mil. Luisa atua pela primeira vez com a chinesa Shuai Zhang, 26ª colocada no ranking, e vai enfrentar a dupla cabeça de chave 2, formada pela cazaque Anna Danilina e a ucraniana Lyudmila Kichenok. A partida será a primeira da quadra 1, começando às 7h (horário de Brasília).

"Estou animada para a dupla com a Shuai, primeira vez jogando juntas. Enfrentamos Kichenok e Danilina, se não me engano é a primeira vez delas juntas também. Então será um bom jogo, diferente, pois todo mundo terá que se adaptar. Condições aqui estão boas", disse Luisa.

Ao lado da tenista Bia Haddad Maia, Luisa visitou a mesquita Sheikh Zayed Grand Mosque, em Abu Dhabi, a maior do país.

E a paulistana, que vem do título do Australian Open nas duplas mistas com Rafael Matos, aproveitou os últimos dias e fez uma homenagem ao avô Airton, falecido no ano passado. A tenista tem, agora, uma tatuagem com a sigla "FFF".

"Homenagem ao meu avô. Ele sempre falava Força, Foco e Fé e praticamente em todos os jogos me mandava mensagem com FFF . Ele acompanhava todos os torneios e jogos. Era meu maior exemplo. Faleceu no começo do ano passado, um baita baque. Esse foi o melhor momento para fazer essa homenagem, após ganhar um Grand Slam, na Austrália", completou.

0 Comentários

.

APOIE O SURTO OLÍMPICO EM PARIS 2024

Sabia que você pode ajudar a enviar duas correspondentes do Surto Olímpico para cobrir os Jogos Olímpicos de Paris 2024? Faça um pix para surtoolimpico@gmail.com ou contribua com a nossa vaquinha pelo link : https://www.kickante.com.br/crowdfunding/ajude-o-surto-olimpico-a-ir-para-os-jogos-de-paris e nos ajude a levar as jornalistas Natália Oliveira e Laura Leme para cobrir os Jogos in loco!

Composto por cinco editores e sete colaboradores, o Surto Olímpico trabalha desde 2011 para ser uma referência ao público dos esportes olímpicos, não apenas no Brasil, mas em todo o mundo.

Apoie nosso trabalho! Contribua para a cobertura jornalística esportiva independente!

Digite e pressione Enter para pesquisar

Fechar