Sete duplas brasileiras avançam no Elite 16 de vôlei de praia em Gstaad


No segundo dia da etapa de Gstaad, na Suíça, pelo circuito mundial de vôlei de praia, a delegação brasileira teve três eliminações. Das 10 duplas inscritas na competição, sete seguem vivas em busca do título. Bruno Schmidt/Saymon e Renato/Vitor Felipe são os representantes masculinos nas oitavas de final. Pela chave feminina, Duda/Ana Patrícia avançam direto para as oitavas, já Maria Elisa/Fernanda, Bárbara Seixas/Carol Solberg, Taiana Lima/Hegê e Tainá/Victoria ainda disputam a repescagem.


CHAVE MASCULINA


O dia nas areias de Gstaad começou com os duelos que completavam a segunda rodada da chave masculina e definiam seus classificados para a próxima fase. A dupla brasileira formada por André e George, que já haviam perdido na estreia, foram derrotados novamente. Samoilovs/Smendins, da Letônia, venceram a partida por 2 a 1 (17/21, 21/17 e 9/15) e garantiram a vaga na repescagem, eliminando os brasileiros do torneio.


Evandro/Álvaro Filho também entraram em quadra pela manhã desta quinta-feira (07/07) para completarem a fase de grupos. A dupla que foi derrotada na primeira partida, enfrentou os poloneses Bryl/Losiak precisando da vitória para ir à repescagem e foi o que conseguiram. Em um jogo muito disputado e com direito a virada, os atletas brasileiros venceram a partida por 2 a 1 (29/27, 17/21 e 12/15) e avançaram na competição.


Pela repescagem, Evandro e Álvaro voltaram à quadra para encarar os irmãos chilenos Grimalt. Apesar da vitória pela manhã, que deu uma sobrevida aos brasileiros no torneio, no jogo da tarde acabaram derrotados pela dupla do Chile e estão eliminados da etapa de Gstaad do circuito mundial. Grimalt/Grimalt venceram a partida por 2 a 0 (21/16 e 21/18).


Renato/Vitor Felipe e Bruno Schmidt/Saymon já haviam feito suas duas partidas da fase inicial e jogaram somente a tarde. As duplas brasileiras disputaram a repescagem e ambas conseguiram a classificação para as oitavas de final. Renato e Vitor Felipe venceram os argentinos Capogrosso/Capogrosso por 2 a 0 (25/23 e 21/17) e enfrentam Berntsen/Mol, da Noruega, pelas oitavas. Já Bruno e Saymon tiveram mais dificuldades para avançar no torneio. Os brasileiros venceram Nicolai/Cottafava, dupla italiana, por 2 a 1 (18/21, 21/14 e 15/9) e terão os cataris Cherif/Ahmed pela frente. O confronto é uma reedição das quartas de final do Mundial de Vôlei de Praia, disputado no fim de junho, que terminou com vitória brasileira por 2 a 0.


CHAVE FEMININA


A segunda rodada da primeira fase da chave feminina do Elite 16 de Gstaad também foi disputada nesta quinta-feira. Após um primeiro dia com quatro vitórias e duas derrotas, o cenário se inverteu e hoje as duplas brasileiras tiveram duas vitórias e quatro derrotas. Apesar dos resultados negativos, apenas Andressa/Vitória não conseguiram vencer na primeira fase e estão eliminadas.


As campeãs mundiais Duda/Ana Patrícia venceram mais uma partida e com 100% de aproveitamento avançaram direto para as oitavas de final. Depois de derrotarem Ahtiainen/Lahti, da Finlândia, por 2 a 0 na primeira rodada, a dupla brasileira conseguiu outra vitória com tranquilidade. As brasileiras bateram as argentinas Gallay/Pereira com outro 2 a 0 (21/14 e 21/9). Agora, elas aguardam os resultados das repescagens para conhecerem suas adversárias da próxima fase.


A dupla formada por Bárbara Seixas/Carol Solberg que também havia vencido na estreia, foi derrotada nesta quinta e disputará a repescagem. As brasileiras perderam por 2 a 0 para as canadenses Brandie/Brukovec, com duplo 16/21, e amanhã enfrentam as vice-campeãs mundiais Helland-Hansen/Olimstad, da Noruega, buscando a classificação para as oitavas. Assim como Bárbara e Carol, Maria Elisa/Fernanda venceram no primeiro dia, mas sofreram o revés na segunda partida. Elas foram derrotadas por 2 a 1 (12/21, 21/17 e 18/20) pelas americanas Stockman/Kraft. Na repescagem, as brasileiras enfrentam Bianchin/Scampoli, da Itália.


Outras duas duplas brasileiras também estão na repescagem. Taiana Lima/Hegê venceram na estreia, mas nesta quinta foram derrotadas pelas suíças Hüberli/Brunner por 2 a 1 (21/15, 17/21 e 15/8). Com a derrota, as brasileiras terão pela repescagem Böbner/Vergé-Dépré, também da Suíça. Já Tainá e Victória tiveram um caminho inverso, elas foram derrotadas na primeira partida e hoje conseguiram a vitória. A dupla do Brasil venceu as holandesas Stam/Schoon por 2 a 0 (17/21 e 20/22) e amanhã enfrentam Quiggle/Schermerhorn, dos Estados Unidos, em busca de avançar no torneio.


Andressa/Vitória que já haviam sido derrotadas na quarta-feira, tiveram outro resultado negativo hoje. Elas enfrentaram Ahtiainen/Lahti, da Finlândia, e perderam de virada por 2 a 1 (13/21, 21/19 e 15/8). Com duas derrotas em dois jogos, a dupla brasileira está eliminada do torneio.


Foto: Reprodução Instagram/ @beachvolleyballworld


Postar um comentário

To Top