Estados Unidos vencem a Copa do Mundo de Basquete sub-17 invictos

Estadunidenses ficam com o primeiro lugar (foto: FIBA / Divulgação)
Estadunidenses ficam com o primeiro lugar (foto: FIBA / Divulgação)

No último dia da Copa do Mundo de Basquete Sub-17, foram disputadas as posições no ranking de 16 colocações. As partidas ocorreram nas cidades de Alhaurin de la Torre e Málaga, na Espanha.

As equipes se classificam para a Copa do Mundo de Basquete Sub-17 por meio de campeonatos regionais Sub-16 determinados por seus resultados. Como anfitriã do evento, a Espanha ganhou entrada automática. As 15 equipes restantes se classificaram em campeonatos regionais sub-16 com 2 da África, 5 da Europa, 4 das Américas e 4 da Ásia. Neste ano, o Brasil não participou.

O prêmio TISSOT MVP do torneio foi para Izan Almansa da Espanha. Juntando-se a ele no All-Star Five estavam a dupla americana de Cooper Flagg e Koa Peat, o companheiro de equipe espanhol de Almansa, Lucas Langarita, e Ilane Fibleuil, da França, que terminou em terceiro lugar.

Disputa pelo ouro

Ron Holland (11) marcou 13 pontos para os EUA (foto: FIBA / Divulgação)
Ron Holland (11) marcou 13 pontos para os EUA (foto: FIBA / Divulgação)

Os EUA continuam no topo do mundo do basquete juvenil ao derrotar a Espanha por 79 a 67 para conquistar o título na Copa do Mundo de Basquete Sub-17 da FIBA ​​2022.

O destaque da partida foi o estadunidense Jeremy Fears que marcou 17 pontos como artilheiro dos americanos.

Esse surto levou os EUA ao sexto título consecutivo da Copa do Mundo Sub-17 após 2010, 2012, 2014, 2016 e 2018. Em cada um desses torneios, os EUA passaram pela competição invictos e a equipe do técnico Sharman White terminou o trabalho na final em Málaga.

Os EUA dominaram todo o torneio, vencendo todos os jogos por pelo menos 26 pontos e melhorando seu recorde de todos os tempos para 43-0 antes da final.

Mas a Espanha estava à altura do desafio. Apoiados por quase 7.000 espectadores, eles tinham uma vantagem de sete pontos aos 10 minutos e aumentaram a vantagem para oito pontos no segundo quarto. Para a emoção dos torcedores, os anfitriões estavam com 38 a 33 no intervalo.

A Espanha ainda liderava por 47 a 40 com 7 minutos restantes no terceiro quarto, quando a pressão defensiva dos EUA começou a forçar os turnovers e resultou em uma sequência de 22 a 4 para liderar por 62 a 51 após três quartos. O momento mudou e os EUA resistiram a qualquer desafio no quadro final e adicionaram outra corrida perfeita à glória global.

Disputa pelo bronze

Ilane Fibleuil foi o destaque da partida entre França e Lituânia (foto: FIBA / Divulgação)
Ilane Fibleuil foi o destaque da partida entre França e Lituânia (foto: FIBA / Divulgação)

Após a decepção de cair nas semifinais da Copa do Mundo de Basquete, a França recuperou a moral ao vencer a Lituânia por 66 a 58. Ao receberem a medalha de bronze, os franceses conquistaram seu segundo pódio seguido.

O destaque da partida foi Ilane Fibleuil que marcou 16 pontos para os franceses.
"Não é a medalha que queríamos, mas honestamente é bom. Então é ótimo", disse Fibleuil, que também teve 4 rebotes e 3 roubadas de bola na vitória.
A França começou com uma desvantagem de 9 a 4. Mas aos 5’, marcou 12 pontos seguidos e passou a liderar por 18 a 14. Depois disso, os franceses dispararam. O primeiro tempo acabou em 35 a 25.

Depois do intervalo, a França acrescentou mais 15 pontos de vantagem, a margem era de 56 a 41 nos 10 minutos finais.
"É um dia muito bom para mim, para os jogadores e para a federação francesa. É uma grande medalha. É muito, muito importante para nós. Estou muito orgulhoso dos meus jogadores e funcionários, muito orgulhoso", disse o técnico da França, Bernard Faure.

Classificação final da Copa do Mundo de Basquete Sub-17 FIBA ​​2022

  1. Estados Unidos
  2. Espanha
  3. França
  4. Lituânia
  5. Sérvia
  6. Austrália
  7. Eslovênia
  8. Polônia
  9. Canadá
  10. Egito
  11. Argentina
  12. Nova Zelândia
  13. República Dominicana
  14. Japão
  15. Mali
  16. Líbano

Postar um comentário

To Top