Equipe dos Estados Unidos segue imbatível e é tetracampeã Mundial no Polo Aquático feminino

Time dos Estados Unidos perderam apenas um quarto em todo o Mundial (Foto: Divulgação/FINA)

O Mundial de Esportes Aquáticos, em Budapeste, chegou ao penúltimo dia de competições, neste sábado (2), com o tetracampeonato dos Estados Unidos no Polo Aquático feminino. O Surto traz um resumo dos destaques desta competição multiesportiva que tem gostinho de Jogos Olímpicos:

Polo Aquático

Estadunidenses soberanas

A equipe feminina dos Estados Unidos comprovou sua soberania na modalidade ao conquistar o quarto título mundial consecutivo em Budapeste ao bater a seleção da Hungria, jogando em casa, por 9 a 7. 

As húngaras começaram na frente com um gol de Greta Gurisatti com três minutos e meio de partida, porém levaram a virada logo após com dois gols de Maddie Musselman. A vantagem de um gol permaneceu até o terceiro quarto, quando as estadunidenses ampliaram com Ryann Neushul.

A Hungria ainda tentou uma reação no quarto quarto e chegaram a encostar, mas Maddie Musselman, vice-artilheira do campeonato, e MVP da final fechou o placar. 

O time estadunidense fez uma campanha perfeita, perdendo apenas um quarto em toda a competição, sendo este o último contra a Hungria.

Este é o sétimo título mundial no acumulado para a equipe feminina dos Estados Unidos, que soma um tri-olímpico (Londres 2012, Rio 2016 e Tóquio 2020), além de ter vencido as últimas três Copas do Mundo de Polo Aquático.

Países Baixos com o bronze

Mais cedo, na disputado do bronze, as neerlandesas, campeãs olímpicas em Pequim 2008, voltaram a figurar em uma ótima posição em disputas a nível mundial ao vencerem, de virada, a Itália por 7 a 5.

Premiação individual

A FINA também divulgou a lista de premiação individual do torneio de Polo Aquático feminino de Budapeste 2022. Ashleigh Johnson, dos Estados Unidos, foi eleita a MVP entre as goleiras. Além dela, a seleção do torneio foi formada por Bronte Halligan, da Austrália; Rita Keszthelyi, da Hungria; Lola Moohuijzen, dos Países Baixos; Maddie Musselman, dos Estados Unidos; Judith Forca e Beatriz Ortiz, da Espanha. Estas últimas, artilheiras da competição com 21 gols marcados para cada.

Saltos Ornamentais

Nos Saltos, a única medalha entregue foi no trampolim de 3m feminino, prova do programa olímpico. A surpresa ficou por conta de Mia Valee, do Canadá, com 329 pontos, que desbancou a chinesa Yani Chang, com 325.85 pontos, ficando com a medalha de prata. Esta foi a primeira vez em Budapeste que um atleta do país oriental não terminou entre as duas primeiras colocações na modalidade.

Enquanto Valee foi regular em todos os seus saltos, Chang cometeu um erro moderado no seu  quarto salto, obtendo nota 57.35.

O ouro ficou com Yiwen Chen, da China, com 366.90.

Em dia pouco inspirado, brasileiros não avançam nos Saltos Ornamentais no Mundial

Quadro de Medalhas

Após 16 dias de disputas, e o ouro dos Estados Unidos no Polo Aquático feminino, a China não terá condições de ultrapassar os estadunidenses e chegar à liderança do quadro de medalhas em Budapeste. Apesar de serem favoritos nas duas últimas provas do programa nos Saltos Ornamentais, os chineses conseguirão no máximo atingir a mesma quantidade de ouros dos Estados Unidos: 

1º Estados Unidos - 18 ouros, 14 pratas e 17 bronzes (49)

2º China - 16 ouros, 2 pratas e 7 bronzes (25)

3º Itália - 9 ouros, 6 pratas e 6 bronzes (21)

4º Austrália - 6 ouros, 9 pratas e 3 bronzes (18)

5º Canadá - 3 ouros, 5 pratas e 6 bronzes (14)

12º Brasil - 2 ouros, 1 prata e 2 bronzes (5)

Próximos passos

Neste domingo (3), chegamos ao último dia de disputas em Budapeste. Além de duas finais nos Saltos, vai ser dia de conhecer o campeão mundial do Polo Aquático. Vamos à programação:

Saltos Ornamentais

Valendo Medalha

Trampolim de 3m Sincronizado (F)

Plataforma de 10m (M)

Eliminatórias

Trampolim de 3m Sincronizado (F) - Anna Lucia dos Santos e Luana Lira

Polo Aquático

Torneio Masculino

Disputa do bronze

Grécia x Croácia

Final

Itália x Espanha

Código adsense convertido aqui

Postar um comentário

Bem-vindos ao Surto Olímpico!
Bem-vindos ao Surto Olímpico!
To Top