Ymanitu Silva é vice-campeão nas duplas do tênis em cadeira de rodas em Roland Garros


O catarinense Ymanitu Silva, 11º do ranking mundial na categoria quad (para atletas com limitações nos membros superiores) do tênis em cadeira de rodas, foi derrotado na final de duplas em Roland Garros na sexta-feira, 3. Ymanitu e o australiano Heath Davidson perderam para os holandeses Sam Schroder e o Niels Vink por 2 sets a 0: duplo 6/2.

Já na disputa de simples, o catarinense foi eliminado pelo norte-americano David Wagner, quarto do mundo, na estreia, por 2 sets 1: 6/1, 3/6 e 6/4. O jogo teve 1h57min de duração.

"Fiquei triste, pois escapou a vitória das minhas mãos. Por outro lado, fiquei satisfeito com o meu rendimento. Cada partida é uma história. Não é porque tinha vencido duas vezes antes que venceria em Roland Garros. Foi o dia dele", finalizou Ymanitu, que participou pela segunda vez do Grand Slam francês.

Neste ano, no início do mês de maio, Ymanitu foi medalha de bronze por equipes na Copa do Mundo, disputada em Portugal. Nessa competição, o catarinense enfrentou David Wagner duas vezes e venceu os dois jogos.

Foto: Divulgação/CBT

Postar um comentário

To Top