Brasil garante dois bronzes e duas finais no Aberto de Santo Domingo de badminton


No sábado, 11, o Brasil garantiu a conquista de duas medalhas de bronze na 12ª edição do Aberto de Badminton de Santo Domingo, realizado na capital da República Dominicana.

Davi Silva, número 1052 no ranking da Federação Mundial de Badminton, escreveu mais um capítulo importante em sua recente trajetória na Seleção Brasileira de badminton ao conquistar o terceiro lugar na disputa contra o esportista israelense Misha Zilberman, dono da 49ª posição do RM. O placar final do jogo foi 2 a 0 para Israel, com parciais de 21/13 e 21/11, resultado este que garantiu a medalha ao brasileiro e o avanço pra fase final ao seu adversário.

Com apenas 18 anos de idade, essa é a primeira medalha internacional do atleta carioca representando a categoria Simples Masculina adulta. Revelado pela Associação Miratus, no Rio de Janeiro, atualmente Davi mora na cidade de Americana (SP), onde mantém uma rotina semanal de treinos com os demais atletas da Seleção. Entre alguns dos principais títulos conquistados até hoje, os destaques vão para o campeonato Sul-Americano Sub-17 em 2019, e Sub-19 em 2021.

Sob o comando de Fabiana da Silva, os resultados positivos do evento na República Dominicana já começaram no primeiro dia do torneio, na última quarta-feira, 9. Após duas vitórias no qualifying, Davi Silva se classificou para a chave principal da competição. Na quinta-feira, 9, o brasileiro retornou às quadras para enfrentar o mexicano Job Castillo e levou a melhor com a vitória por 2 a 1, parciais de 21/19, 16/21 e 23/21.

Jeisiane Alves e Juliana Vieira garantiram a segunda medalha de bronze pro país após a disputa da semifinal com a dupla da Guatemala, formada por Diana Corleto Soto e Nikte Alejandra Sotomayor, que venceram por 3 a 1 de 19/21 e duplo 21/17.

Brasil disputará a decisão de duplas femininas contra a Guatemala e duplas mistas contra o Japão


Pelas oitavas de final realizadas na sexta-feira, 10, Davi derrotou o anfitrião dominicano Yonatan Linarez por 2 sets a 0 com o placar de 21/15 e 21/18, e no mesmo dia garantiu a vitória contra o americano Howard Shu após três sets de parciais 21/23, 22/20 e 21/13.

Após a conquista deste sábado, Davi deverá entrar no Top 1000 com a atualização do ranking mundial da BFW nos próximos dias. Nas duplas mistas, Davi Silva e Sania Lima avançaram às finais que ocorrem neste domingo, 12 de junho, após derrotarem Solis Jonathan e Diana Corleto Soto, dupla da Guatemala, por 21/18 e 21/14, e os os cubanos Leodannis Martinez Palacio e Yely Mari Ortiz Rodriguez também por 2 a 0, através das parciais 21/18 e 21/19.

Foto: Divulgação

Postar um comentário

To Top