Júlia Vieira fica na terceira posição do grupo B dos 59kg no Mundial Sub-20 de Levantamento de Pesos


O Campeonato Mundial Sub-20 em Heraklion, na Grécia, começou para o Brasil da melhor forma: com recordes pessoais batidos. Nesta quarta-feira (4), Júlia Vieira foi à plataforma na competição feminina para 59kg no grupo B e fez a melhor marca de sua carreira no arranco (80kg), no arremesso (105kg) e no total (185kg). As cargas levantadas renderam a ela a terceira posição geral na bateria.

Na classificação geral (contando com o grupo A e B), Júlia foi a 13ª colocada no arranco, a décima no arremesso e a 12ª no total.

Para a sua primeira tentativa no arranco, a brasileira tentou o levantamento de 78kg, mas ela acabou falhando na sua estreia na plataforma grega. O segundo intento foi com dois quilos a mais de carga. Júlia se concentrou, respirou fundo e executou perfeitamente o movimento. A brasileira não segurou a euforia e vibrou demais com o seu novo recorde pessoal no arranco.

Na última tentativa, a carioca foi tranquila para a plataforma e parecia confiante. A carioca subiu a carga para 83kg e, se conseguisse acertar, estabeleceria novamente um novo recorde pessoal. Porém, ela acabou não levantando e ficando com os 80kg como marca no arranco.

No arremesso, Júlia Vieira foi para a plataforma para encarar 100kg na barra. Ela executou o clean com um pouco de desequilíbrio, mas se recuperou para finalizar o movimento perfeitamente.

Na sequência, a pesista subiu a carga para 105kg. Muito concentrada e incentivada pelo treinador Dragos Stanica, Júlia performou com excelência o levantamento da barra e bateu ali mais um recorde pessoal, agora, no arremesso.

Motivada pelos acertos consecutivos e com o intuito de se colocar na briga pela medalha, a carioca aumentou em cinco quilos o peso da barra. A brasileira tentou erguer os 110kg, mas não teve sucesso. Ao final, ela agradeceu o apoio que recebeu do público pelo intento e vibrou com a segunda colocação do movimento no grupo B.

Stanica fez questão de exaltar o desempenho da atleta: “Foi uma boa competição, principalmente no arremesso. Ela conseguiu bater todos os recordes pessoais, conseguiu isso na competição. Isso demonstra total evolução e o trabalho que foi feito. Foi sensacional o desempenho, o crescimento técnico e psicológico da atleta, foi tudo muito bom mesmo”, elogiou o técnico.

Antes de ir para Heraklion, Júlia Vieira participou do Training Camp na sede da Eleiko, patrocinadora oficial da Confederação Brasileira de Levantamento de Pesos. A atleta ficou, ao lado de outros atletas da Seleção Brasileira, quinze dias em Halmstad, na Suécia, realizando a preparação para o Mundial Sub-20.

A competição mundial segue até a próxima terça-feira (10) e será palco de mais uma brasileira em ação. Taiane Justino compete no último dia de evento na categoria +87kg a partir das 6h (de Brasília).

Foto: Reprodução/IWF

Postar um comentário

To Top