Hugo Calderano e craques da Seleção movimentam o Desafio Brasil x França de Tênis de Mesa


O tênis de mesa de alto nível vai tomar conta da Arena Carioca 1, no Parque Olímpico do Rio de Janeiro. O Desafio Brasil x França acontece neste sábado (7), a partir das 19h, com a presença dos principais craques dos dois países: Hugo Calderano, Vitor Ishiy e Eric Jouti do lado brasileiro, Simon Gauzy, Can Akkuzu e Alexis Lebrun defendendo o país europeu.

Pouco antes, às 17h, o card preliminar terá a presença das mulheres. O time das irmãs Takahashi, Bruna (agora Top 20 mundial, em 19° lugar na lista) e Giulia, encara a equipe formada por Laura Watanabe e Tamyres Fukase.

A grande atração do sábado é Hugo Calderano. Número 4 do ranking mundial, melhor não-chinês do mundo, dono da melhor campanha do tênis de mesa brasileiro em Jogos Olímpicos e em Campeonatos Mundiais, ele atrai a atenção dos fãs da modalidade e até mesmo de quem não conhece tanto assim da modalidade.

"Já sou o número um do Brasil há bastante tempo e tenho consciência de que, América Latina, o público gosta muito de me ver atuando nas competições. Sempre vem bastante gente me acompanhar, me assistir jogar. E isso fica ainda mais especial aqui no Brasil, pois aqui consigo sentir a energia da nossa torcida, que ama o tênis de mesa e também os nossos atletas. Não somente a mim, mas ao Vitor, o Eric, a Bruna, as meninas", reconhece Calderano, que vibra com a oportunidade de um jogo em alto nível no seu país:

"Será bem legal disputar essa competição após um longo período de treinamento. Ainda mais no Brasil, com a torcida brasileira assistindo, será muito importante. Considero que estamos bem preparados. Sabemos que não tem a mesma importância dos Jogos Olímpicos, afinal, é um evento amistoso. Mas na hora do jogo todo mundo vai querer ganhar".

Do outro lado, atletas que os brasileiros conhecem muito bem. Gauzy e Calderano treinam juntos há quase uma década. Quando se encontram em eventos internacionais, o brasileiro nunca tem vida fácil.

"Fica até difícil chamar de amistoso. Como eu disse, todo mundo vai querer ganhar. É um desafio e acredito será uma boa briga. Já treino há bastante tempo com o Gauzy, o conheço bem. Tem um 'feeling' espetacular, sabe competir. Tem um nível altíssimo e todos os nossos jogos são sempre muito difíceis. Creio que desta vez não será diferente", projeta.

Grande momento do tênis de mesa


O trio brasileiro no Desafio retrata bem o momento do país no tênis de mesa, como potência emergente da modalidade. "Nossa equipe é forte internacionalmente, sem dúvida. Chegamos às quartas de final nos Jogos Olímpicos e também no último Campeonato Mundial. Tenho bastante confiança no Vitor e no Eric, estou acompanhando a evolução deles, e tenho consciência de que podemos competir com quaisquer outras equipes", avisa o número 4 do mundo.

Foto: Luis Miguel Ferreira
Código adsense convertido aqui

Postar um comentário

Bem-vindos ao Surto Olímpico!
Bem-vindos ao Surto Olímpico!
To Top