Henrique Avancini começa a corrida olímpica com um nono lugar na etapa da Alemanha da Copa do Mundo de XCO


O ciclista brasileiro Henrique Avancini começou a corrida olímpica neste domingo (8), com um nono lugar na etapa de Albestdat (GER) da Copa do Mundo de Mountain Bike XCO. Esse foi seu melhor resultado nesta etapa, superando o décimo lugar de 2021. A vitória ficou com o campeão olímpico Thomas Pidcock (GBR), com o tempo de 01:18:42.


Avancini terminou a prova em 01:20:20 e agora se prepara para a etapa de Nove Mesto (CZE), onde ele venceu na temporada de 2020. No ranking do campeonato, ele é o décimo com 258 pontos.


O brasileiro passou a primeira volta na sétima colocação e na volta seguinte, caiu três posições mas se manteve no top 10. Já na metade da prova, Avancini estava no pelotão intermediário, a um minuto e cinco segundos do pelotão dos líderes.


Enquanto isso, Thomas Pidcock estava com 44 segundos de vantagem para o suíço líder do ranking, Nino Schurter, vantagem diminuída para 38, na abertura da última volta. 


No final, a briga do brasileiro foi com Valero Serrano (ESP) e Jordan Sarrou (FRA), pela sétima posição. Lá na frente, o britânico tirou o pé, mas a vantagem era tão grande, que ele venceu com 20 segundos de vantagem.


Nino Schurter terminou em segundo e Vlad Dascalu (ROU), que teve alguns problemas no começo, passou em terceiro. 


Entre os outros brasileiros da prova, Ulan Galinski foi o 44º, Edson Gilmar foi o 97º e Luiz Henrique Cocuzzi abandonou a prova.


No feminino, Rebecca McConnell (AUS) venceu com o tempo de 01:19:39, seguida de Jenny Risveds (SWE) e Mona Mitterwalner (AUT).


No sábado, pelo campeonato sub-23, o brasileiro Gustavo de Oliveira Pereira ficou com a prata, terminando o percurso com 01:10:38, 37 segundos atrás do vencedor, o chileno Martin Vidaurre.


Foto: Fábio Piva/ Red Bull Content Pool

Postar um comentário

To Top