Sakamoto Kaori é campeã mundial de patinação artística

Sakamoto voa com seus patins sobre o gelo. Ela veste um vestido azul royal
Foto: B. Papon/L'Equipe
O mundo da patinação artística conheceu sua nova campeã nesta sexta-feira (25). Sakamoto Kaori venceu a competição feminina no Campeonato Mundial da modalidade, disputado em Montpellier na França. Ela conquistou o primeiro título do Japão na prova desde Mao Asada, campeã em 2014.

Com a ausência das russas (que tiveram a sua federação suspensa pela União Internacional de Patinação - ISU), Sakamoto Kaori se tornou a favorita ao ouro. A medalhista de bronze nos Jogos Olímpicos de Inverno Pequim 2022 não decepcionou e entregou dois programas perfeitos, sempre com suas melhores notas da carreira. 

No programa longo, disputado nesta sexta, Sakamoto se apresentou ao som da canção "No More Fight Left In Me". Ela acertou todos os seus saltos e foi a única patinadora a conseguir notas acima de 9.0 em todos os componentes do programa. A japonesa conseguiu 155.77 pontos no programa e 236.09 no total.

A medalha de prata ficou com a belga Loena Hendrickx. Patinando com um "medley oriental", Hendrickx empolgou o público presente na competição, com destaque para uma sequência de passos fascinante que arrancou vários aplausos. A belga recebeu 142.70 pontos para a apresentação de hoje, ficando com um total de 217.70.

Alysa Liu dos Estados Unidos terminou na terceira colocação. Ela havia ficado em quinto lugar no programa curto, mas conseguiu ultrapassar a compatriota Mariah Bell e a sul-coreana You Young que cometeram erros no programa longo. Liu teve um total de 211.19 pontos.

Papadakis e Cizeron quebram mais uma vez o recorde da dança rítmica


Foto: Francisco Seco/AP
Mais cedo, aconteceu a primeira etapa da dança no gelo: a dança rítmica. Competindo em casa, os campeões olímpicos Gabriella Papadakis e Guillaume Cizeron fizeram a Arena Sud de France explodir de emoção com a performance da dupla. Eles conseguiram 92.73 pontos, quebrando o recorde mundial de quando foram campeões no último mês na Olimpíada de Inverno.

Na briga pelas outras medalhas, os principais nomes são os estadunidenses Madison Hubbel e Zach Donohue (2º lugar com 89.72) e Madison Chock e Evan Bates (3º lugar com 87.51). As duas duplas dos EUA também conseguiram suas melhores pontuações da carreira.

Mas o grande momento do dia veio com a apresentação da dupla que terminou no 16º lugar. Os ucranianos Oleksandra Nazarova e Maksym Nikitin emocionaram o público com sua apresentação ao som de "1944" da cantora Jamala. A música foi campeã do importante Festival Eurovision em 2016. A letra da canção fala sobre os "tártaros da Crimeia" que durante a Segunda Guerra Mundial. Mas a descrição das cenas de guerra na música, lembram o conflito atual na Ucrânia. A dupla foi aplaudida de pé após a apresentação.

Foto: Francisco Seco/AP
Foto de capa: B. Papon/L'equipe

Postar um comentário

To Top