Cazaque ouro no levantamento de peso na Rio-2016 tem a medalha cassada por doping



O atleta do Cazaquistão, Nijat Rahimov, ouro no levantamento de peso na Rio-2016, na categoria até 77kg, teve sua medalha cassada nesta quarta (23) por doping. O CAS (Corte Arbitral do Esporte) o considerou culpado por trocar quatro amostras de urina e foi desclassificado de todas as competições entre 2016 e 2021.


Além de perder sua medalha de ouro, Rahimov ainda foi suspenso por oito anos, pegando de 2021 até 2029. Essa foi a primeira medalha de ouro dos Jogos Rio-2016 a ser cassada.


Em 2016, o atleta quebrou o recorde mundial no arremesso, levantando 214 kg e ao final. ficou com o total de 379 kg. A época, o medalha de bronze, Mohamed Mahmoud (EGY) suspeitou do resultado e afirmou que isso não aconteceria caso houvesse um controle rigoroso de doping na modalidade.


Rahimov competiu em 2016, um ano após ter sofrido uma suspensão provisória entre 2013 e 2015, por ter sido pego enquanto ainda competia pelo Azerbaijão. Agora, ele acabou pego na "Operação Arrow (flecha)", que investiga irregularidades no levantamento de peso.


O chinês Lyu Xiaojun, que também levantou 379kg, passa a ser o campeão da prova, seguido de Mahmoud e o tailandês Chatuphum Chinnawong passa para o bronze. Agora ouro, Xiaojun passa a ser tricampeão olímpico da prova, já que venceu em Londres-2012 e Tóquio-2020.


Foto: Mike Groll/ AP Photo



Postar um comentário

To Top