Maior medalhista britânico, ciclista Jason Kenny anuncia fim na carreira para se tornar técnico


O ciclista britânico Jason Kenny, o mais condecorado esportista da Grã-Bretanha, encerrou a sua carreira e irá assumir o cargo de técnico na British Cycling.

Kenny entrou para história como o maior atleta olímpico da Grã-Bretanha ao vencer o keirin masculino nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, conquistando sua sétima medalha de ouro superando o ex-companheiro de equipe Chris Hoy.

Recentemente, o atleta havia dito que estava otimista quanto a sua participação em Paris 2024, devido as dores durante o treinamento.

“Uma grande parte de mim adoraria continuar e tentar chegar a Paris e estou um pouco triste por não fazer isso”, disse Kenny à BBC. “A oportunidade de ser treinador na British Cycling pode não existir daqui três anos. Pensei em aproveitá-la agora”.

Ele conquistou sua primeira medalha de ouro olímpica, no Sprint por equipes em Pequim 2008, onde também foi medalhista de prata no evento individual.

Em Londres 2012, ele foi ouro por equipe e no individual e no Rio 2016, foi ainda melhor, conquistando também ouro no keirin.

Kenny é casado com a também ciclista, Laura Trott, que é detentora de cinco medalhas de ouro olímpicas.

O hexacampeão olímpico Hoy, disse que espera que Kenny ajude a guiar a próxima geração de ciclistas britânicos.

“Ele foi um companheiro de equipe fantástico e um atleta extraordinário, e estou ansioso para vê-lo traduzir suas experiências ao longo de quatro Jogos Olímpicos para apoiar a próxima geração de talentosos pilotos britânicos para alcançar o seu melhor”, disse ele.

Foto: Peter Parks/ AFP

Postar um comentário

To Top