Em Lima, brasileiros estão prontos para o Sul-Americano de Marcha Atlética




Os atletas que compõem a seleção brasileira já estão prontos para a disputa do Campeonato Sul-Americano de Marcha Atlética, que será disputado neste domingo (6/2), a partir das 8 horas de Brasília, em circuito montado na Avenida Larco, em Miraflores, em Lima, no Peru.

Os atletas desembarcaram na sexta-feira (4/2) na capital peruana e treinaram na tarde do mesmo dia na pista do estádio de La Videna e novamente na manhã deste sábado (5/2).

A equipe brasileira está otimista, apesar de o Sul-Americano de Marcha ser considerado um dos torneios de área mais importantes do mundo. Além da seleção nacional, colombianos, equatorianos e peruanos têm muita tradição e devem brigar por lugares no pódio.

"O Sul-Americano é realmente muito forte, com a participação de grandes atletas a nível mundial. A marcha é uma potência por aqui", comentou Matheus Gabriel Correa (AABLU-SC), de 22 anos, que disputará os 20 km, mesma prova em que representou o Brasil nos Jogos Olímpicos de Tóquio-2021. "Teremos medalhistas do Mundial de Londres-2017 e dos Jogos Pan-Americanos de Lima-2019. Só fera. Então acredito que será uma prova muito boa como teste para o Mundial por Equipes", lembrou, referindo-se à competição que será disputada nos dias 4 e 5 de março, em Mascate, Omã.

No último Campeonato Sul-Americano, disputado em 2020, também em Lima, o Brasil conquistou duas medalhas de ouro, com Caio Bonfim (CASO-DF) nos 20 km e com Viviane Lyra (AEVF-RJ) nos 50 km.

Foto: Divulgação

Postar um comentário

To Top