Bruno Soares/Jamie Murray vencem em partida de despedida de Rogério Dutra Silva no Rio Open



O brasileiro Bruno Soares e o britânico Jamie Murray venceram os brasileiros Rogério Dutra Silva e Orlando Luz por 6/3 e 6/2, nesta quarta-feira, na estreia da chave de duplas do Rio Open. A partida marcou a despedida das quadras de Rogerinho. E foi emocionante. Bruno e Murray voltam à quadra 1 nesta quinta, no segundo jogo da rodada, para enfrentar o francês Benoit Paire e o espanhol Albert Ramos-Vinolas, por vaga na semifinal.


Após o ponto que deu a vitória a Bruno e Murray, a ex-tenista Teliana Pereira entrou em quadra e falou sobre o quanto a carreira de Rogerinho a inspirou. No telão foi exibido um vídeo com depoimentos do treinador Larri Passos, do ex-jogador André Sá, do tenista Thomaz Bellucci, e do pai, Eulício. "Foi o cenário perfeito para minha despedida. O Rio Open é o melhor torneio, o melhor lugar, com o melhor público. Eu sempre gostei de jogar aqui, com a torcida próxima. Desde que cheguei para disputar meu último torneio, aproveitei cada momento", contou o jogador de 38 anos, que alcançou o 63º lugar no ranking mundial. "Passou um filme na minha cabeça, lembrar o quanto foi difícil sair de onde eu saí, jogar 20 anos como profissional, hoje falo quatro línguas, conheço o mundo inteiro. Vou dormir tranquilo esta noite porque sei que fechei minha carreira com chave de ouro".


Rogerinho jogou os quatro Grand Slams, defendeu o Brasil na Copa Davis, nas Olimpíadas e Pan-Americanos. Foi medalha de prata nas simples e nas duplas mistas no Pan de Guadalajara 2011, teve a oportunidade de enfrentar os grandes Rafael Nadal e Novak Djokovic. Tem um título de duplas com Sá, em São Paulo 2017, e foi vice-campeão no Rio Open 2020, com Bellucci. "Agradeço a organização do Rio Open pela oportunidade de encerrar minha carreira aqui".


Em outro jogo de duplas desta quarta, Marcelo Melo e o uruguaio Pablo Cuevas foram eliminados pelo argentino Andres Molteni e pelo mexicano Santiago Gonzalez por 7/6 (4) e 6/3. Molteni e Gonzalez estão embalados por dois títulos nas últimas semanas – Buenos Aires e Córdoba. Rafael Matos e Felipe Meligeni foi outra dupla brasileira a jogar nesta quarta (16), e eles saíram derrotados por 2 sets a 0 (7/5 e 6/2) para Marcel Granollers (ESP)/Horacio Zeballos (ARG).

Confira os outros resultados do dia:


Federico Coria (ARG) 2 x 1 Fernando Verdasco (ESP) - 7/6 (2), 4/6 e 6/4

Fabio Fognini (ITA) 2 x 1  Pablo Carreño Busta (ESP) - 5/7, 6/4 e 6/3

Diego Schwartzman (ARG) 2 x 0 Pedro Martinez (ESP) - 6/1 e 6/1

Pablo Andujar (ESP) 2 x 1 Albert Ramos-Vinolas (ESP) - 7/5, 5/7 e 6/3

Lorenzo Sonego (ITA)/Andrea Vavassori (ITA) 2 x 1  Juan Sebastian Cabal (COL)/Robert Farah (COL) - 7/6 (7), 5/7 e 14/12

Simone Bolelli (ITA)/Fabio Fognini (ITA) 2 x 0  Ariel Behar (URU)/Gonzalo Escobar (ECU) - 7/6 (6) e 6/2


Nesta quinta teremos como grandes destaque o primeiro confronto no circuito entre o brasileiro Thiago Monteiro e o italiano Matteo Berrettini. Já nas duplas, o destaque é Bruno Soares, que faz dupla com o britânico Jamie Murray, enfrentar Benoit Paire (FRA)/Albert Ramos-Viñolas (ESP)


foto: Photojump/Divulgação


Postar um comentário

To Top