Rayssa Leal brilha e com apenas três notas e manobras novas se classifica em primeira para a final do STU



Usando apenas a nota das duas voltas e da sua primeira manobra, Rayssa Leal garantiu neste sábado (15), a classificação para a final da etapa de Criciúma do STU (Circuito Brasileiro de Skate) na primeira colocação com 11.04 pontos. 


A maranhense que fez 14 anos neste mês de janeiro fez duas voltas limpas, conseguindo 4,78 na primeira (que foi descartada) e 5,96 na segunda, com direito a uma nova manobra. A novidade era um Tailslide shove it de costas para o corrimão. O movimento consiste em um giro que encaixa as rodas do skate no corrimão e desliza sobre ele.


A sua única manobra válida nas tricks também era novidade foi pontuada em 5.08. Ela fez um Frontside Bluntslide com um shove it em 180º na finalização e se garantiu na primeira colocação. Pamela Rosa passou na segunda colocação com 7.91 e Gabriella Mazetto passou em terceira com 6.95. 


Fecham a lista de finalistas Rafaela Murbach, Karen Feitosa, Virgínia Fortes Águas, Marina Gabriela e Giovana Dias


A final será amanhã às 10h com transmissão da Globo.

Vice-campeão mundial Lucas Rabelo se classifica em primeiro

O vice-campeão do mundo e campeão pan-americano júnior, Lucas Rabelo, passou em primeiro com 21.60 pontos, seguido de Eduardo Neves com 17.95 e Júlio Zanotti que marcou 16.48. Vinícius Costa, Wilton Souza, Douglas Molocope, João Lucas Alves e Luiz Neto fecham a lista de classificados 


A semifinal chegou a ser interrompida às 14h55 em razão de uma forte chuva. A paralisação ocorreu antes da última volta de Molocope e do início da série de tricks da segunda bateria. A retomada aconteceu às 18h.


Luiz Francisco, quarto colocado em Tóquio no skate park, surpreendeu na sua primeira volta ao repetir o  Frontside que Rayssa emplacou na sua única manobra válida. Mesmo assim ele acabou fora da final.


Foto: Júlio Detefon/ CBSK

Postar um comentário

To Top