Rafael Nadal vence calor e Shapovalov para se classificar para a semifinal do Australian Open

Rafael Nadal, de roxo e aparentando felicidade e cansaço, levanta a cabeça com os olhos fechados e comemora a vitória com os braços abertos


Rafael Nadal
venceu nesta terça (25), um confronto difícil contra o canadense Denis Shapovalov e está a duas partidas de garantir o 21º Grand Slam da carreira. A partida durou quatro horas e oito minutos e foi a vitória 74 do espanhol em Melbourne Park.


Além de dificultar o jogo, Shapovalov arranjou problemas com a arbitragem e teve ataque de raiva, chegando a comentar que Nadal é favorecido por ser quem ele é. Ambos sofreram com o forte calor na Rod Laver Arena.


Após Nadal vencer o primeiro set por 6 a 3, o espanhol demorou 30 segundos a mais para trocar de lado e isso foi o suficiente para o canadense reclamar e chamar o árbitro brasileiro Carlos Bernardes de corrupto. 


Com os ânimos mais calmos, o espanhol venceu o segundo set por 6 a 4. Shapovalov reagiu e conseguiu empatar o jogo, devolvendo os sets anteriores com um 6 a 4 e um 6 a 3. Durante o quarto set, Nadal precisou de atendimento médico e foi medicado.


O espanhol voltou ao domínio da partida no set desempate, quando fez 6 a 3 e se garantiu na semifinal do torneio australiano. Na semifinal, ele enfrentará o italiano Matteo Berretini, número sete do mundo. 


Berretini venceu o francês Gael Monflis, que até a partida desta terça, não havia perdido nenhum set. O italiano fez 2 a 0, com um duplo 6/4, mas o francês empatou com duplo 6/3. Matteo chegou mais inteiro no desempate, quando fez 6/2 e se classificar para a sua primeira semifinal de Australian Open.


Madison Keys e Ashleigh Barty farão semifinal no feminino

Sete anos depois de sua última semifinal no Melborune Park, a norte-americana Madison Keys garantiu seu retorno após vencer a tcheca Barbora Krejcíková por 2 a 0 (6/3 e 6/2), indo muito bem nos saques, conseguindo 11 aces. Essa também a primeira semifinal dela em Grand Slams desde 2018, quando chegou a penúltima fase do US Open. 


Sua adversária será a atual número um do mundo Ashleigh Barty. A australiana venceu a norte-americana Jessica Pegula por 2 sets a 0, vencendo o primeiro set por 6 a 2 e aplicando um pneu no segundo. Ela pode quebrar uma escrita de 44 anos, sem um australiano vencendo o torneio de simples do Grand Slam local.


O Australian Open tem transmissão dos canais Espn e do Star +. 


Foto: Loren Elliott/ Reuters 



Postar um comentário

To Top