Badminton do Brasil conquista três medalhas no Aberto do México


A equipe brasileira encerrou a sua participação no XXII Internacional Mexicano de Badminton, na cidade de Guadalajara, no último sábado, 11, após conquistar três medalhas de bronze nas categorias Simples Feminina, Dupla Feminina e Simples Masculina. O evento é realizado pela Federação Mundial de Badminton (BWF). A ex-atleta olímpica Fabiana da Silva foi uma das técnicas da equipe.

Na Simples Feminina, a brasileira Juliana Viana avançou nas quartas de finais após derrotar a mexicana Haramara Gaiten por 2 sets a 0, com parciais de 21/15 e 23/21. Na semifinal contra a americana Jennie Gai, a atleta piauiense de 17 anos garantiu a medalha de bronze após a vitória por 2 a 0 de sua oponente, com o placar final de 21 a 4 e 21 a 12.

Na categoria das Duplas Femininas, as brasileiras Sania Lima e Tamires Santos garantiram os seus nomes no terceiro lugar do pódio mexicano após vencerem nas quartas as italianas Katharina Fink e Yasmine Hamza por 2 sets a 0, e perderem nas semifinais para as canadenses Crystal Lai e Alexandra Mocanu por 2 a 0, com parciais de 21/13 e 21/18.

Na Simples Masculina, Artur Pomoceno venceu nas quartas de finais o italiano Giovanni Toti, e garantiu a medalha de bronze nas semifinais após a vitória do anfitrião mexicano Job Castillo, fechando o placar em 21 a 11 e 21 a 15. Com o resultado deste sábado, o atleta carioca obteve mais 1.750 pontos para o Ranking Mundial da BWF.

Também participaram da competição os atletas Jonathan Matias e Donnians Oliveira, que acabaram se despedindo do torneio nas quartas de finais da Simples Masculina. Após o confronto contra o ucraniano Danylo Bosniuk, Jonathan garantiu mais 1.350 pontos para o RM, mesma pontuação de Donnians após o jogo contra o mexicano Job Castillo.

Na dupla masculina, após a vitória dos italianos Fabio Caponi e Giovanni Toti, os brasileiros Artur e Jonathan fecharam as suas participações no México somando 1.350 pontos no Ranking Mundial.

0 Comentários