Velocista duas vezes medalhista de prata pela União Soviética falece aos 88 anos - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Velocista duas vezes medalhista de prata pela União Soviética falece aos 88 anos

Compartilhe

O atleta duas vezes medalhista de prata olímpica, Leonid Bartenev, morreu aos 88 anos, conforme comunicado da Federação Russa de Atletismo (RusAF).

Bartenev integrou o revezamento 4 x 100 m da União Soviética nas edições olímpicos de 1956, em Melbourne e de 1960 em Roma.

Bartenev nasceu em Poltava, Ucrânia e treinou principalmente em Kiev antes de se mudar para Moscou.

Em Melbourne 1956, Bartenev abriu o revezamento medalhista de prata, numa equipe que ainda tinha os atleta Boris Tokarev, Yuriy Konovalov e Vladmir Sukarev em uma corrida vencida pelo time estadunidense.

Quatro anos depois, Bartenev, correu a segunda perna do revezamento e faziam parte da sua equipe Gusman Kosanov, Konovalov e Edvin Ozolin, terminando em segundo novamente, desta vez atrás da equipe alemã.

Bartenev também integrou o revezamento 4 x 100 m da União Soviética que foi bronze no Campeonato Europeu de 1954 em Berna e em 1958 em Estocolmo.

Os melhores tempos pessoais de Bartenev para os 100 m foram 10.2 e 20.9 para os 200 m.

Individualmente Bartenev se destacou ao vencer os 100 m do Festival Mundial da Juventude, em Varsóvia 1955.

Após se aposentar, passou a ser treinador, trabalhando no Dínamo de Moscou.

E como treinador foi a cinco Jogos Olímpicos consecutivo, Tóquio 1964, Cidade do México 1968, Munique 1972, Montreal 1976 e Moscou 1980.

Entre os atletas que treinou, estão vários medalhistas olímpicos, incluindo Irina Nazarova, que integrou a equipe 4 x 400 m da União Soviética que foi ouro em Moscou 1980.

Ele também treinou as medalhistas de bronze Galina Bukharina e Nadezhda Ilyna, que integraram a equipe do 4 x 400 m nas edições olímpicas na Cidade do México 1968 e Montreal 1976.

Bartenev também treinou Lyudmila Storozhkova, medalhista de ouro no 4 x 100 m no Campeonato Europeu de 1978 em Praga.

“Leonid Bartenev dedicou toda a sua vida ao atletismo”, disse a RusaAF em comunicado.

“Ele próprio foi um atleta brilhante e mais tarde tornou-se um treinador igualmente brilhante”.

Foto: RusAF

Nenhum comentário:

Postar um comentário