Diogo Paes é campeão da barra fixa em Cali; Brasil leva outra três medalhas no último dia da ginástica artística


O Brasil encerrou sua campanha na ginástica artística nos Jogos Pan-Americanos Júnior Cali 2021 com quatro medalhas. Foram um ouro, uma prata e dois bronzes nesta segunda-feira.

Diogo Paes levou o ouro na barra fixa. Ele teve uma ótima execução na sua série e conseguiu o primeiro lugar com 12.866 pontos. Vahe Petrosyan dos Estados Unidos levou a prata e Daniel Villa da Colômbia ficou com o bronze. Yuri Guimarães ficou em quinto lugar com 12.333, após ter uma falha em uma parada de mão.

Na final da trave, Andreza Lima conseguiu passar sem quedas, apesar de alguns desequilíbrios em alguns momentos. Ela conseguiu nota 12.333, melhorando em relação às eliminatórias para levar a medalha de bronze. Gabriela Rodrigues acabou caindo em uma sequência acrobática, ficando em xxxx lugar. Os Estados Unidos levou o ouro e a prata. Madray Johnson ficou em primeiro lugar com 12.866, seguida por Katelyn Jong com 12.700.

Pódio da trave - Foto: Ricardo Bufolin/CBG
Nas barras paralelas, o Brasil conseguiu uma dobradinha. Yuri Guimarães levou a prata com 13.066, melhorando alguns milésimos da sua nota da qualificação. Diogo Paes ficou com o bronze 12.933. Os brasileiros tiveram como destaque ótimas paradas de mão nas suas séries. David Shamah, dos Estados Unidos, venceu a prova com 13.100 pontos.

Pódio das barras paralelas - Foto: Ricardo Bufolin/CBG
No solo, Gabriela Reis ficou na quarta posição com 12.200, ficando a 0.133 pontos do pódio. As estadunidenses Kailin Chio e Katelyn Jong ficaram em primeiro e segundo lugar, respectivamente. Mariangela Flores do México ficou com o bronze. Josiany Calixto fez uma série com dificuldade mais baixa do que suas adversárias e acabou terminando em sétimo lugar com 11.800.

A final do salto sobre a mesa masculino foi a única sem brasileiros. O mexicano Ricardo Torres ganhou a prova com 13.633 de média. Edward Gonzalez do Peru levou a prata e Cesar Lopez do Equador ficou com o bronze.


Salto sobre a mesa masculino:
1. Ricardo Torres (MEX) 13.633
2. Edward Gonzalez (PER) 13.616
3. Cesar Lopez (ECU) 13.533
4. Tobias Liang (USA) 13.433
5. Jabiel Polanco (DOM) 13.316
6. Mario Rojas (MEX)
7. Edward Rolin (VEN) 12.699
8. Juan Larrahondo (COL) 12.616

Trave:
1. Madray Johnson (USA) 12.866
2. Katelyn Jong (USA) 12.700
3. Andreza Lima (BRA) 12.333
4. Mariangela Flores (MEX) 12.066
5. María Rodrigues (COL) 11.166
6. Gabriela Rodrigues (BRA) 10.833
7. Daria Lamadrid (COL) 10.266
8. Gabriela Mendoza (MEX) 9.333

Barras paralelas:
1. David Shamah (USA) 13.100
2. Yuri Monteverde (BRA) 13.066
3. Diogo Paes (BRA) 12.933
4. Sergio Vargas (COL) 12.666
5. Jabiel Polanco (DOM) 12.466
6. Luciano Letelier (CHI) 12.333
7. Edward Alarcon (PER) 11.733
8. Vahe Petrosyan (USA) 11.500

Solo feminino: 
1. Kailin Chio (USA) 13.333
2. Katelyn Jong (USA) 13.000
3. Mariangela Flores (MEX) 12.33
4. Gabriela Reis (BRA) 12.200
5. Nicole Iribarne (ARG) 12.133
6. Katyna Alicea (PUR) 11.966
7. Josiany Calixto (BRA) 11.800
8. Marianna Malpica (MEX) 11.633

Barra fixa:
1. Diogo Paes (BRA) 12.866
2. Vahe Petrosyan (USA) 12.600
3. Daniel Villa (COL) 12.53
4. Mathys Jalbert (CAN) 12.433
5. Yuri Guimarães (BRA) 12.333
6. Cole Patridge (USA) 11.600
7. Luciano Letelier (CHI) 11.400
8. Sergio Vargas (COL) 11.100

Fotos: Ricardo Bufolin/CBG 

0 Comentários