Brasil ganha mais dez medalhas na natação em Cali

Breno Correia nada no meio da raia. A imagem mostra a cabeça do nadador que está usando uma touca preta com a bandeira brasileira

O Brasil segue dominando o quadro de medalhas da natação nos Jogos Pan-Americanos Júnior Cali 2021. Neste domingo, foram dez pódios, sendo três ouros, seis pratas e um bronzes.

As primeiras provas do dia foram os 100m livre feminino e masculino e o Brasil levou ouro e prata nas duas provas. Stephanie Balduccini venceu a prova feminina com um tempo de 54.63, conseguindo pela primeira vez nadar abaixo de 55 segundos. Ana Carolina Vieira ficou em segundo lugar com 55.89. No masculino, Breno Correia venceu com 49.33. Lucas Peixoto levou a medalha de prata com 49.71.

Na final dos 200m peito feminino, por pouco o Brasil não levou o ouro. Gabrielle da Silva havia vencido a prova, mas foi desclassificada, após um erro em uma das viradas. Martina Barbeito da Argentina herdou o ouro, com 2:30.17. Bruna Leme ficou com a medalha de prata com um tempo 2:31.15.

Júlia Goes ficou com a medalha de prata nos 100m costas. A brasileira brigou com as mexicanas Tayde Sansores e Celia Pulido, ficando entre as duas atletas com 1:02.82. Sansores ficou com o ouro (1:02.00) e Pulido com o bronze (1:03.24). Na prova masculina, Ney Filho ficou em quarto lugar e Victor Baganha em quinto.

Beatriz Dizotti conquistou a medalha de prata nos 800m livre feminino, com 8:52.35. Vitória da venezuelana Maria Victoria Cottn com 8:50.81. Nos 800m masculino, Stephan Steverink fez uma prova lado a lado com o colombiano Juan Manuel Morales. Nos metros finais, Morales disparou para levar o ouro (8:01.04), com Stephan levando a prata (8:02.64). Guilherme Sperandio terminou com a medalha de bronze com 8:12.74

Para encerrar o dia, o Brasil venceu o revezamento 4x100m medley misto, com 3:55.34. O Brasil começou mais atrás, com Ney Filho no nado costas e Giulia Oliveira no peito. A equipe brasileira subiu para o segundo lugar após o bom desempenho de Kayky Mota no borboleta. Ana Vieira fechou no nado livre, ultrapassando o México nos metros finais.

Foto de capa: Washington Alves/COB

Postar um comentário

To Top