Presidente da WBSC pede retorno do beisebol e do softbol para 2028 - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Presidente da WBSC pede retorno do beisebol e do softbol para 2028

Compartilhe

O retorno considerado bem-sucedido do beisebol e do softbol no programa olímpico de Tóquio-2020 foi um dos tópicos discutidos na última reunião do Conselho Executivo da Confederação de Softball e de Beisebol (WBSC), realizada após a Copa do Mundo Sub-23 no México. 


Visto que o retorno foi pontual, já que as modalidades estão fora de Paris 2024, o presidente da WBSC, Riccardo Fracari, abordou na reunião o tema de um possível retorno do beisebol e do softbol em Los Angeles 2028. “A competição foi muito bem sucedida, todos os jogos foram extremamente disputados e de alto nível com feedback positivo”, parabenizou Fracari. 


“Tóquio 2020 mostrou que o beisebol e o softball tem todos os requisitos não apenas para estar em Los Angeles 2028, mas para ser um elemento permanente no programa olímpico”.


Fracari também abordou o crescimento do beisebol no continente africano, notado por ele em visita a Nigéria, Abuja, para sessão ordinária da Associação dos Comitês Olímpicos Africanos (ANOCA).

“O objetivo do WBSC é ter times africanos competindo em alto nível quando o beisebol fizer sua estreia nos Jogos Olímpicos da Juventude em Dakar 2026”.

A WBSC teve como a Copa do Mundo Sub-23 de Beisebol, o primeiro evento organizado pela entidade, após o início da pandemia e teve como grande campeão a Venezuela que conquistou o título contra os donos da casa, México.

Foto: STR/ Jiji Press / AFP


Nenhum comentário:

Postar um comentário