Norte-americana supera campeã olímpica e conquista primeiro ouro em Copa do Mundo de patinação de velocidade - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Norte-americana supera campeã olímpica e conquista primeiro ouro em Copa do Mundo de patinação de velocidade

Compartilhe

A primeira vez a gente nunca esquece. A norte-americana Kristen Santos venceu pela primeira vez, uma etapa de Copa do Mundo de patinação de velocidade em pista curta, na segunda etapa da temporada 2021 em Nagoya, no Japão. O torneio realizado neste sábado (30) e domingo (31) ainda teve como destaques, Coréia do Sul, China, Países Baixos e Itália


Kristen conquistou seu primeiro ouro, na prova dos 1000m, após segurar a atual campeã olímpica e mundial, Suzanne Schulting (NED). A também neerlandesa Xandra Velzeboer fechou o pódio. Schulting não saiu sem ouro, sendo campeã dos 1500m, sendo acompanhada no pódio por Arianna Fontana (ITA) e Kim A Lang (KOR), prata e bronze, respectivamente.


A italiana conquistou o ouro na prova dos 500m e é líder do ranking do circuito, se aproximando da vaga olímpica. Nesta etapa,  Natalia Maliszewska (POL) foi a prata e Fan Kexin (CHN) ficou com o bronze. Fechando a disputa feminina, os Países Baixos venceram o revezamento de 3000m, com a Coreia do Sul em segundo e a Itália em terceiro.


Nas provas masculinas mais curtas dos 500m, o pódio foi inteiro asiático. Daehon Hwang (KOR) ganhou,  Ziwei Ren (CHN) foi prata e Denis Nikisha (KAZ), líder do circuito, levou o bronze. Ren ainda foi campeão dos 1000m, em prova que terminou com a prata para Itzhak de Laat (NED) e bronze para Pascal Dion. 


Hwang saiu também com uma prata nos 1500, em prova vencida pelo italiano Yuri Confortola e com o bronze do chinês Sun Long. No encerramento das disputas masculinas, o Canada venceu a prova dos 5000m revezamento, seguidos de China e Hungria.


No revezamento misto, disputado na distância dos 2000m, a Rússia venceu, com China e Hungria atrás. A próxima etapa é entre os dias 18 e 21 de novembro, em Debrecen, na Hungria.


Foto: International Skating Union


on

Nenhum comentário:

Postar um comentário