Brasil conquista recordes na última publicação da Lista FIS do Esqui Cross Country - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Brasil conquista recordes na última publicação da Lista FIS do Esqui Cross Country

Compartilhe



A FIS (Federação Internacional de Esqui) publicou a segunda lista FIS da temporada 2021/22 do Esqui Cross Country. A lista representa a média dos 5 melhores resultados de cada atleta dentro de um período determinado, e é dividida entre Distance e Sprint.

Com os resultados conquistados nas provas durante a temporada de neve, e no Circuito Brasileiro de Rollerski em São Carlos, Manex Silva bateu 2 recordes brasileiros da modalidade, com os melhores resultados masculinos em Lista FIS de Distance e Sprint.

Manex passa a deter assim todos os recordes brasileiros masculinos da modalidade, mostrando todo seu potencial.

Adicionalmente, Steve Hiestand se une a Manex conquistando também um resultado em lista abaixo dos 100 pontos FIS, ambos alcançam assim, o Índice A Olímpico.

“As provas organizadas durante as duas primeiras etapas do Circuito Brasileiro de Rollerski 2021 foram marcadas por disputas muito acirradas entre os atletas, o que resultou em ótimas pontuações para os primeiros colocados. Manex e Steve protagonizaram muitas dessas disputas apresentando um alto nível técnico durante as provas de Sprint e de Distance”, comenta Camila Freitas, coordenadora técnica da CBDN.

Os pontos FIS são calculados a partir dos resultados conquistados pelos atletas nas competições. Quanto menos pontos FIS, melhor é o resultado.

A conquista possui impacto direto na participação do Brasil nos Jogos Olímpicos de Inverno de Beijing 2022. O índice A permite ao atleta disputar 4 provas na competição, ao invés de 2. Assim, o atleta que for representar o Brasil disputará o maior número de provas na história.

No feminino, também há uma grande notícia. Com a conquista de duas vagas desde as competições do início do ano, o Brasil participará pela primeira vez na prova de Team Sprint feminino nos Jogos Olímpicos de Inverno.

Foto: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário