Tóquio 2020 vai anunciar oficialmente os gastos com a competição apenas em 2022 - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Tóquio 2020 vai anunciar oficialmente os gastos com a competição apenas em 2022

Compartilhe

 


O diretor executivo do Comitê Organizador das Olimpíadas de Tóquio, Toshiro Muto, afirmou que ainda não consegue afirmar se os custos dos Jogos ultrapassaria o orçamento oficial de U$15,4 bilhões (mais de 83 bilhões de reais).


“Não estou preparado para responder à sua pergunta”, disse Muto quando questionado em uma coletiva a imprensa local. “Eu não tenho a informação ainda. As pessoas responsáveis estão investigando isso”.


Muto acredita que provavelmente somente no início do próximo ano será anunciado o fechamento relativo ao custos reais de operação dos jogos serão divulgados.


Devido a pandemia, houve uma perda de cerca de U$800 milhões (mais de R$4 bilhões) com venda de ingressos.


O diretor executivo do Comitê Organizador, também foi questionado se o COI faria contribuições adicionais para cobrir os custos com a competição e em resposta Muto disse que o COI já fez uma grande contribuição e que já havia cumprido com suas responsabilidades.


De acordo com o mais recente orçamento divulgado, o COI contribuiu com cerca de U$1,3 bilhões (mais de R$7 bilhões) e pode ter contribuído mais ainda depois do adiamento dos Jogos Olímpicos, embora não esteja claro quanto ou de que forma.


Mesmo que os custos não ultrapassem o que foi previsto, a edição de Tóqui 2020 foi a mais cara da história e já existem rumores de que o valor previsto pode ser muito maior.


A receita com patrocinadores da iniciativa privada chegam a cerca de U$6,7 bilhões (mais de R$36 bilhões), e o restante foi injetado pelos cofres do governo japonês.


Foto: AP Photo/ Jae C. Hong

Nenhum comentário:

Postar um comentário