Marchadores Matheus Gabriel e Gabriela de Souza confirmam favoritismo no Brasileiro sub-23 de atletismo - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Marchadores Matheus Gabriel e Gabriela de Souza confirmam favoritismo no Brasileiro sub-23 de atletismo

Compartilhe

 

No domingo (05) foram realizadas as duas últimas etapas do Brasileiro Sub-23 de Atletismo, no Centro de Desenvolvimento do Atletismo, em Bragança Paulista, e teve como um dos destaques a performance dos marchadores Matheus Gabriel de Liz Côrrea e Gabriela de Souza na etapa da manhã.

Matheus, que representou o Brasil na marcha atlética 20 km em Tóquio, completou a prova disputada em pista com o tempo de 1:26:27:35. “Faltava o título sub-23”, afirmou Matheus que tem os títulos sub-16, sub-18, quatro vezes o sub-20.

A prata ficou com Paulo Henrique Ribeiro, com 1:31:05:94 e o bronze foi para Murilo Coutinho Ribeiro da Silva, com 1:34:48:43.

No feminino Gabriela, confirmou seu favoritismo e conquistou o bicampeonato da prova com a marca 1:47:21:44. A atleta representou o Brasil no Mundial Sub-20 no Quênia.

“Em Nairóbi, fiquei duas semanas sem fazer aquele treinão...Não consegui fazer uma boa sequência. Senti o desgaste pelas viagens e competições. Mas estou feliz pelo título e pelo bicampeonato sub-23”, disse Gabriela.

Thaissa Gabrielle Santos Cunha ficou em segundo lugar, com 1:48:06:32 e Bruna Batista de Oliveira ficou em terceiro lugar com 1:48:59:16.


Na última etapa, destaque para marca de Lucas Rodrigues nos 200 m


Na prova dos 200 m, Lucas Rodrigues venceu com a marca de 20.60, recorde pessoal. ”Foi difícil treinar com o Renan longe, quando ele estava em Portugal e nos Estados Unidos, e eu treinando sozinho, mas depois tive o apoio do Felipe França, o Dois Efes, que me ajudou bastante”, lembrou o velocista referindo-se ao treinador Renal Valdiero. “Eu estava bem preparado para fazer minha melhor marca nos 200 m e ainda esperava um pouco mais. Daqui algumas semanas vou melhor isso aí”

Lucas Conceição Vilar, ficou com a medalha de prata nos 200 m, com 20.92 e o bronze ficou com Maxsuel dos Santos Santana, com 20.99.

Na prova feminina dos 200 m, Letícia Marian Nonato Lima venceu com a marca de 23.52, seguida por Rita de Cássia Ferreia Silva, com 23.62 e por Vida Aurora Manuela Evaristo Caetano, com 24.41.

No decatlo, José Fernando Ferreira Santana, foi o campeão com 7.507 pontos, novo recorde da competição. O segundo lugar ficou com Jonathan da Silva, com 6.744 pontos e o terceiro lugar ficou com Arnaldo Kowales Júnior, com 6.194 pontos.

Na prova do salto em altura feminino, Gabriela da Silva Araújo Gil de Sá sagrou-se campeã, com a marca de 1,74 m, na terceira e última tentativa na altura. “Eu estava bem confiante e queria melhorar a minha melhor marca. Não consegui, mas igualei e ganhei meu segundo título”, disse a jovem atleta de 17 anos.

Maria Eduarda Ferreira Barbosa, foi prata com 1,71 m e o bronze ficou com Thamires Evelin da Silva, também com 1,71 m.

No heptatlo, vitória para Larissa Roberta Macena, com 5.250 pontos, seguida por Naiuri Rigo Krein, com 5.174 pontos e Paloma Dias Cardoso, com 4.998 pontos.

Nos 3.000 m com obstáculos, ouro para Mirelle Leite da Silva, com 10:50:59 no feminino e para Natan dos Anjos Nepomuceno, no masculino, com o tempo de 9:24:91.

Foto: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário