Petrúcio Ferreira se classifica para a final nos 100m T47 em Tóquio; outros brasileiros também avançam - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Petrúcio Ferreira se classifica para a final nos 100m T47 em Tóquio; outros brasileiros também avançam

Compartilhe


Na mesma sessão do atletismo em que Yeltsin Jacques e Silvânia Costa conquistaram medalhas de ouro em suas provas, o Brasil teve outros bons resultados na noite dessa quinta-feira (26) nos Jogos Paralímpicos de Tóquio.

Porta-bandeira do Brasil na Cerimônia de Abertura e atleta paralímpico mais rápido do mundo, Petrúcio Ferreira dos Santos venceu sua bateria com 10.75 e se classificou para a final dos 100 metros T47.

No mesmo evento, Washington Junior e Lucas de Sousa Lima também avançaram para a decisão com os 1º e 5º melhores tempos, respectivamente. A final é na manhã desta sexta-feira, às 07h33.

100 metros masculino T12 (deficientes visuais)

Correndo na terceira bateria das eliminatórias, Joeferson Marinho terminou na primeira posição com o tempo de 10.85, se classificando para a final. O melhor tempo foi do norueguês Salum Aghese Kashafale, que correu para 10.46, novo recorde paralímpico e apenas 0.01 abaixo do recorde mundial.

Na mesma prova, Fabrício Junior Barros Ferreira terminou em segundo lugar em sua bateria e acabou ficando de fora da decisão. Kesley Teodoro ficou em quarto na sua série e também não se classificou.

400 metros feminino T11 (deficientes visuais)

Ao lado do guia Felipe Veloso da Silva, a brasileira Thalita Vitoria Simplício da Silva venceu sua bateria eliminatória e se classificou para as semifinais com o terceiro melhor tempo no geral: 59.77.

Jhulia Karol dos Santos, com o guia Mateus Santos de Oliveira, correu para 1:00.12 e também avançou para a próxima etapa. Campeã olímpica minutos antes no salto em distância, Silvânia Costa sentiu a posterior da coxa direita e abandonou sua corrida logo após a primeira curva.

100 metros masculino T37 (paralisia cerebral)

Christian Gabriel Luiz da Costa terminou em terceiro lugar em sua bateria com 11.51 e se classificou para a final. Na mesma série, o indonésio Saptoyoga Purnomo correu para 11.33 e quebrou o recorde paralímpico da classe.

A nova marca, porém, durou pouco. Na bateria seguinte, o norte-americano Nick Mayhugh quebrou seu próprio recorde mundial de 11.21, sendo o primeiro de sua classe a correr abaixo dos 11 segundos: 10.97. Ricardo de Mendonça Gomes chegou em terceiro e avançou para a decisão com sua melhor marca pessoal: 11:45.

Terceiro brasileiro nesse evento, Mateus Evangelista Cardoso acabou ficando com o 10º tempo, fora da final.

Outras provas

A noite também reservou finais - e recordes mundiais - em provas sem presença de brasileiros. Confira os resultados de cada uma delas:

Arremesso de peso feminino F41

1º Raoua Tlili (TUN) - 10.55m WR

2º Mayerli Butrago Ariza (COL) - 9.94m

3º Antonella Ruiz Diaz (ARG) - 9.50m

Lançamento de dardo masculino F38

1º José Gregorio Lemos Rivas (COL) - 60.31m WR

2º Vladyslav Bilyi (UKR) - 55.34m

3º Luis Fernando Lucumi Villegas - 54.63m

100 metros feminino T35

1º Xia Zhou (CHN) - 13.00 WR

2º Isis Holt (AUS) - 13.13

3º Maria Lyle (GBR) - 14.18

Lançamento do disco feminino F55 (em andamento até a última  atualização desta reportagem)

Foto: Ale Cabral/CPB

Nenhum comentário:

Postar um comentário