Darlan Romani avança à final do arremesso de peso; Rafael e Constantino vão à semi nos 110m com barreiras - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Darlan Romani avança à final do arremesso de peso; Rafael e Constantino vão à semi nos 110m com barreiras

Compartilhe

Darlan Romani garantiu vaga na final do arremesso de peso da Olimpíada de Tóquio. O brasileiro registrou 21,31m ainda em seu segundo arremesso na eliminatória, disputada nesta terça-feira (03), e atingiu a marca qualificatória, avançando diretamente para a decisão. A final da prova acontecerá na quarta-feira (04), às 23h05, no horário de Brasília.


Um dos candidatos ao pódio, Darlan participou do grupo A da eliminatória e cravou 21m em sua primeira tentativa. Na segunda, bateu o índice qualificatório, com 21,31m - a marca necessária era 21,20m - e não precisou executar seu terceiro arremesso. Além do brasileiro, somente o egípcio Mostafa Hassan, com 21,23m, e o neozelandês Tom Walsh, com 21,49m, bateram a marca.


O recorde pessoal de Darlan, que também é recorde sul-americano, é de 22,61m, marcado em 2019. Esse ano, ele sofreu com problemas de treinamento e foi infectado pela Covid-19. Sua melhor marca na temporada é 21,56m.


Rafael Pereira e Gabriel Constantino avançam nos 110m com barreiras

Ainda nesta sessão do atletismo, Rafael Pereira e Gabriel Constantino avançaram às semifinais dos 110m com barreiras. Rafael marcou 13.46 e fechou na terceira colocação da quarta bateria eliminatória, se garantindo de forma direta. Já Gabriel ficou em quinto em sua série, mas se classificou com um dos quatro melhores tempos gerais, com 13.55. Eduardo de Deus foi o último da bateria, com 13.78.


“Resolvi fazer uma prova agressiva e não técnica. Me comporto bem nas duas alternativas. Eu precisava de uma prova agressiva porque tinha atletas com tempos mais fortes e uma temporada mais forte do que a minha. Gostei do tempo, não é ruim, mas para a semifinal preciso acertar alguns detalhes técnicos. Para a semifinal tem que ser uma corrida agressiva  e técnica. É acertar esses erros e correr bem a semifinal”, comentou Rafael sobre seu desempenho.


Foto de capa: Dylan Martinez/REUTERS

Nenhum comentário:

Postar um comentário