Após acusações britânicas, campeão olímpico dos 100m em Tóquio disse que sorriu após saber do caso de doping de britânico - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Após acusações britânicas, campeão olímpico dos 100m em Tóquio disse que sorriu após saber do caso de doping de britânico

Compartilhe

Campeão dos 100m no atletismo nos Jogos Olímpicos, em Tóquio, Lamont Jacobs (ITA) disse que sorriu após saber do caso de doping de Chijindu Ujah (GBR) durante o evento.


O mundo ficou surpreso após o ouro conquistado por Jacobs em Tóquio, principalmente a imprensa britânica, que chegou a ligar o nome do velocista, nascido nos Estados Unidos, a uma investigação do seu nutricionista em um possível caso de doping.


Após tomar conhecimento da noticia do doping, Jacobs, que foi o primeiro italiano a vencer a tradicional prova do atletismo, disse que: "Vendo a investigação de doping do Ujah talvez seja melhor olhar para você mesmo do que atacar os outros (se referindo a imprensa britânica). Me fez sorrir".


Caso o doping seja comprovado, a Grã-Bretanha pode perder a medalha de prata conquistada no Japão.


Jacobs só retorna as pistas em 2022


O italiano afirmou na quinta-feira (12) que só voltará as pistas em 2022. Jacobs respondeu em uma rede social a um seguidor que não irá mais competir em 2021 em virtude de dores no joelho.


Ele iria competir na etapa de Eugene (USA) da Diamond League de atletismo, prevista para o dia 21 deste mês.


Foto: EFE

Nenhum comentário:

Postar um comentário