Turquia surpreende e atropela China na estreia do vôlei feminino; EUA, Itália e Sérvia também vencem - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Turquia surpreende e atropela China na estreia do vôlei feminino; EUA, Itália e Sérvia também vencem

Compartilhe


Se a vitória do Brasil sobre a Coreia do Sul na estreia era esperada, a Turquia conseguiu a maior surpresa da primeira rodada do vôlei feminino nos Jogos Olímpicos de Tóquio. Em dia inspirado da jovem oposta Ebrar Karakurt, as turcas venceram com autoridade a China, atual campeã olímpica e favorita ao ouro, por incríveis 3 sets a 0. As parciais foram de 25-21, 25-14 e 25-14.

Aos 21 anos, Karakurt anotou 18 pontos nos três sets disputados, sendo 16 ataques, 1 bloqueio e 1 ace. Outro nome importante foi a experiente central Eda Erdem, porta-bandeira da delegação turca na Cerimônia de Abertura, que teve 13 acertos na partida. Do lado chinês, a ponteira Ting Zhu teve atuação apagada, com apenas 4 pontos no jogo. O destaque foi Zhang, que terminou a partida com 13 pontos.

A vitória deixa a Turquia na liderança do grupo B, com 3 pontos. Logo atrás, vem a seleção dos Estados Unidos. As campeãs da Liga das Nações superaram a Argentina por 3 sets a 0 (25-20, 25-19 e 25-20), sem grandes dificuldades. O grande nome do jogo foi a oposta Thompson, que marcou 20 pontos na partida.

Outra seleção importante a vencer na estreia foi a Itália. Com 18 pontos de Paola Egonu, as italianas bateram o Comitê Olímpico Russo por 3 a 0 (25-23, 25-19 e 25-14). Na próxima rodada, Itália e Turquia se enfrentam em duelo de invictas. China e Estados Unidos também vão duelar em partida que promete.

No grupo do Brasil, Sérvia e Japão confirmam favoritismo

Já pelo grupo A, que é o do Brasil, a Sérvia confirmou sua força e superou a República Dominicana por 3 sets a 0 (25-18, 25-12 e 25-20). Saiu nessa partida a grande atuação individual da primeira rodada olímpica: a oposta Tijana Boskovic marcou 28 pontos em apenas três parciais e foi a maior anotadora do dia.

Boskovic é o grande nome da seleção sérvia neste ciclo (Foto: Reprodução/FIVB)

Por fim, o país-sede também começou com o pé direito. Enfrentando Quênia, time que é comandado pelo brasileiro Luizomar de Moura, o Japão venceu as africanas por 3 sets a 0, com parciais de 25-15, 25-11 e 25-23.

O vôlei feminino volta na noite de segunda-feira (26), com a segunda rodada. Confira os confrontos e os horários:

21h de segunda-feira: ROC x Argentina
23h05 de segunda-feira: China x Estados Unidos
2h20 de terça-feira: Japão x Sérvia
4h25 de terça-feira: Itália x Turquia
7h40 de terça-feira: Brasil x República Dominicana
09h45 de terça-feira: Coreia do Sul x Quênia

Foto: Reprodução/FIVB

Nenhum comentário:

Postar um comentário