Reserva da equipe estadunidense de ginástica artística, Kara Eaker testa positivo para COVID-19 - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Reserva da equipe estadunidense de ginástica artística, Kara Eaker testa positivo para COVID-19

Compartilhe

A ginasta Kara Eaker, da seleção feminina de ginástica artística dos Estados Unidos testou positivo para Covid-19 em Tóquio. A informação inicial foi de membros do Comitê Olímpico e Paralímpico do país (USOPC), nesta segunda-feira (19). Eaker tem apenas 18 anos e foi infectada durante os treinos da equipe, realizados em Narita, a certa de 60km da capital japonesa.


Inicialmente, a identidade da ginasta não foi revelada. A USOPC chegou a emitir um comunicado informando que respeitaria a privacidade da atleta. "Em alinhamento com os protocolos e regrais locais, a atleta está em quarentena. Em respeito a sua privacidade, não podemos fornecer outras informações", escreveu a entidade.


Entretanto, poucas horas depois, ao  repórter Justin Surrency, da emissora de tv estadunidende WHO-TV, o treinador de Eaker, Al Fong, confirmou que a ginasta que contraiu a doença.



Surte +: Conheça o guia do Surto Olímpico para Tóquio 2020 

 

Foto: Jeff Roberson/AP

Nenhum comentário:

Postar um comentário