Khachanov vence e torna-se 1º russo na final de simples masculino em Jogos Olímpicos desde Sydney 2000 - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Khachanov vence e torna-se 1º russo na final de simples masculino em Jogos Olímpicos desde Sydney 2000

Compartilhe

O tenista russo Karen Khachanov está na final da chave de simples masculino nos Jogos Olímpicos de Tóquio. Com uma atuação de alto nível, ele bateu o espanhol Pablo Carreno Busta por 2 sets a 0 (6-3 e 6-3), em 1h19, para carimbar sua vaga na decisão pela medalha de ouro.

A classificação de Khachanov para a final olímpica de simples masculino encerra um jejum de 21 anos sem representantes russos na disputa pela medalha de ouro na categoria. O último foi Yevgeny Kafelnikov, em Sydney 2000, que ficou com o título.

Na decisão, Khachanov vai encarar o vencedor do duelo entre Novak Djokovic e Alexander Zverev, dois tenistas que também estão perseguindo sua primeira medalha de ouro olímpica. Entre eles, apenas o sérvio já foi ao pódio, quando conquistou o bronze em Pequim 2008.

O jogo

Logo no terceiro ponto do jogo, os jogadores protagonizaram um rallie enorme, com muitas trocas de bola e um belíssimo ponto de Carreno Busta na direita cruzada. O espanhol se aproveitou disso para confirmar seu primeiro saque no jogo, sem muitas dificuldades, após três erros não-forçados de Khachanov. O russo sacou na sequência e também confirmou o serviço rapidamente, empatando o set.

No quinto game do primeiro set, Khachanov pressionou Carreno Busta, fez dois winners com o forehand e obteve dois break points. Jogando muito com a direita, o russo se aproveitou de um erro do espanhol para efetuar a quebra de saque e pular na frente no placar.

No nono game, Khachanov voltou a se impor contra o adversário espanhol, chegando a dois set points. Carreno Busta salvou o primeiro, mas jogou a bola para fora no segundo, após o russo se segurar bem no backhand, para fechar o set com nova quebra de saque e 6-3 no marcador.

O russo disparou três aces e venceu todos os pontos em que disputou com o primeiro serviço. Foram 29 tentos em 48 jogados, com direito a oito winners de forehand de Khachanov e outros dois de backhand. O espanhol cometeu mais erros não-forçados, com 8 a 4 nesta estatística.

O início do segundo set não foi tarefa fácil para Carreno Busta. Num nível abaixo de intensidade em relação ao adversário russo, o espanhol cometeu três erros não-forçados após ter 30-0 em seu serviço. Ele se salvou com bons saques e forehands fulminantes, mantendo a empate de 1-1 no placar.

Em bela troca de bolas vencida por Carreno Busta, ele teve seu primeiro break point no jogo, no quinto game do segundo set. Mas o espanhol mandou uma bola na rede, desperdiçando a oportunidade. Khachanov se aproveitou do erro, fez dois belos pontos para manter seu saque.

Sem ter sucesso no game passado, Carreno Busta ficou cada vez mais nas cordas. Khachanov pressionou o game inteiro, dificultando a vida do espanhol, que teve o serviço quebrado e viu seu adversário abrir 4-2 no placar, após uma bola vencedora de forehand.

Depois disso, Khachanov precisou apenas manter seu saque, para vencer o jogo com tranquilidade e garantir a vaga na decisão dos Jogos Olímpicos. O russo fechou a partida com 10 aces, duas duplas-faltas e 16 winners.

Foto: Mike Segar/Reuters

Nenhum comentário:

Postar um comentário