Fernando Scheffer conquista última vaga na final dos 200m livre; Brasil fica em 8º no revezamento 4x100 - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Fernando Scheffer conquista última vaga na final dos 200m livre; Brasil fica em 8º no revezamento 4x100

Compartilhe

No limite, o nadador brasileiro Fernando Scheffer conquistou uma vaga para a final da prova dos 200m livre nos Jogos Olímpicos de Tóquio, ao obter a marca de 1:45.71. Esse foi o oitavo melhor tempo das semifinais. Scheffer chegou a liderar sua bateria entre os 50 e 150 metros, mas perdeu rendimento no final e foi ultrapassado por dois adversários.

Teve mais Brasil na piscina nesta noite de domingo e madrugada de segunda (26). Na semifinal do 100m costa, Guilherme Guido teve uma boa saída, largando na raia 7, virou na terceira posição nos primeiros 50 metros, mas perdeu muito rendimento no fim da prova, chegando em oitavo lugar, com 53.80.

Já na final do revezamento 4x100 livre, o Brasil, que contou com uma equipe formada por Breno Correia, Pedro Spajari, Gabriel Santos e Marcelo Chierighini, terminou em oitavo lugar, piorando a marca obtida na semifinal, ficando com 3:13.41.

Além disso, houveram muitas provas espetaculares, com recorde olímpico na semifinal dos 100m costa feminino, Titmus batendo Ledecky e bicampeonato de Adam Peaty nos 100m peito masculino. Confira os resultados e o resumo de cada final.


FINAIS
100m borboleta feminino
Recorde Mundial: Sarah Sjoestroem (SWE) - 55.48
Recorde Olímpico: Sarah Sjoestroem (SWE) - 55.48

Ouro: Margaret McNeil (CAN) - 55.59
Prata: Zhang Yufei (CHN) - 55.64
Bronze: Emma McKeon (AUS) - 55.72

Foto: AP Photo/Martin Meissner)
Nadando na raia 7, a canadense Margaret McNeil conquistou o título olímpico nos 100m borboleta. Campeã mundial em 2019, a atleta marcou 55.59, novo recorde continental, sendo que ela ainda teve o melhor tempo de reação na largada. Mas o triunfo não veio de forma fácil. Muitas nadadoras apresentaram um ritmo muito forte até metade dos últimos 50m e por um momento chegaram a estar abaixo da marca do recorde mundial.

No entanto, no final da prova a canadense teve a resistência necessária para tomar a ponta, batendo a chinesa Zhang Yufei, medalhista de prata, que virou os primeiros 50m na liderança, e a australiana Emma McKeon, que ganhou o bronze.

Atual campeã olímpica da prova, Sarah Sjoestroem ficou apenas na sétima colocação, com 56.91. Vale lembrar que ela sofreu uma lesão no cotovelo ainda no início do ano e cogitava não fazer o nado borboleta em Tóquio 2020.

100m peito masculino
Recorde Mundial: Adam Peaty (GBR) - 56.88
Recorde Olímpico: Adam Peaty (GBR) - 57.13

Ouro: Adam Peaty (GBR) - 57.37
Prata: Arno Kamminga (NED) - 58.00
Bronze: Nicolo Martinenghi (ITA) - 58.33

Foto: AP Photo/Matthias Schrader
Único nadador a fazer a final dos 100m peito abaixo dos 58 segundos, o britânico Adam Peaty conquistou seu bicampeonato olímpico na prova. Ele virou os primeiros 50 metros na liderança e encaminhou o título sem grandes sustos, marcando 57.37, o quinto melhor tempo da história. Nos últimos 20 metros, o neerlandês Arno Kamminga até ensaiou um ataque, mas não foi páreo para o britânico.

400m livre feminino
Recorde Mundial: Katie Ledecky (USA) - 03:56.46
Recorde Olímpico: Katie Ledecky (USA) - 03:56.46

Ouro: Ariane Titmus (AUS) - 3:56.69
Prata: Katie Ledecky (USA) - 3:57.36
Bronze: Li Bingjie (CHN) - 4:01.08

Foto: AP Photo/David J. Phillip
Na grande competição da noite, Katie Ledecky teve tudo para manter seu protagonismo olímpico na prova dos 400m livre feminino. Ela obteve o segundo melhor tempo de reação, tomou a ponta rapidamente e colocou meio corpo de vantagem durante os primeiros 250 metros.

Na virada dos 300 metros, a principal adversária de Ledecky nos últimos anos, a australiana Ariane Titmus, começou a crescer na prova, virando apenas 0.16 atrás da estadunidense.

Nos 50 metros finais, Ledecky e Titmus ficaram lado a lado na disputa pelo ouro, que foi conquistado pela nadadora australiana de 20 anos, com o tempo de 3:56.69, novo recorde da Oceania, além de uma vantagem de 0,67 de vantagem sobre a medalhista de prata, Ledecky.

Essa foi a primeira vez que Ledecky foi derrotada na final olímpica dos 400m livre.

Revezamento 4x100 livre masculino
Recorde Mundial: Estados Unidos - 03:08.24
Recorde Olímpico: Estados Unidos - 03:08.24

Ouro: Estados Unidos - 3:08.97
Prata: Itália - 3:10.11
Bronze: Austrália - 3:10.22

Foto: AP Photo/Matthias Schrader
A equipe estadunidense do revezamento 4x100 livre masculino venceu praticamente de ponta a ponta. O momento de maior ameaça para os Estados Unidos foi durante os 150 e 200 metros, quando o francês Florent Manaudou equilibrou a competição com Blake Pieroni, chegando a colocar a França momentaneamente na liderança.

Mas depois do terceiro nadador, os Estados Unidos dominaram e garantiram a medalha de ouro com certa tranquilidade, marcando 3:08.97, seguida por Itália e Austrália, que ‘roubou’ o bronze do Canadá nos últimos metros.

SEMIFINAIS
Na semifinal dos 200m livre masculino, o brasileiro Fernando Scheffer teve boa atuação. Virou os primeiros 50 metros em segundo e aumentou ainda mais o ritmo, tomando a liderança e abrindo 0.23 de vantagem. Mas nos últimos 50 metros, o brasileiro viu um aumento de desempenho dos adversários Martin Malyutin e David Popovici, que conseguiram passar o Scheffer no fim da prova. Ainda assim, ele garantiu sua vaga na final olímpica.

Já na semifinal dos 100m costa feminino, o destaque ficou por conta da nadadora estadunidense Regan Smith, que quebrou o recorde olímpico, ao marcar 57.86. Confira os finalistas das provas do dia.

Finalistas 200m livre masculino
1º - Duncan Scott (USA) - 1:44.60
2º - Kieran Smith (USA) - 1:45.07
3º - Danas Rapsys (LTU) - 1:45.32
4º - Tom Dean (GBR) - 1:45.34
5º - Martin Malyutin (ROC) - 1:45.45
6º - Hwang Sunwoo (KOR) -1:45.54
7º - David Popovici (ROM) - 1:45.68
8º - Fernando Scheffer (BRA) - 1:45.71

Finalistas 100m peito feminino
1º - Tatjana Schoenmaker (RSA) - 1:05.07
2º - Lilly King (USA) - 1:05.40
3º - Lydia Jacoby (USA) - 1:05.72
4º - Sophie Hansson (SWE) - 1:05.81
5º - Yuliya Efimova (ROC) - 1:06.34
6º - Evgeniia Chikunova (ROC) - 1:06.47
7º - Martina Carraro (ITA) - 1:06.50
8º - Monna Mc Sharry (IRL) - 1:06.59

Finalistas 100m costas masculino
1º - Ryan Murphy (USA) - 52.24
2º - Kliment Kolesnikov (ROC) - 52.29
3º - Mitch Larkin (AUS) - 52.76
4º - Thomas Ceccon (ITA) - 52.78
5º - Evgeny Rylov (ROC) - 52.91
6º - Xu Jiayu (CHN) - 52.94
7º - Hugo Gonzales (ESP) - 53.05
8º - Robert Glinta (ROM) - 53.20

Finalistas 100m costas feminino
1º - Regan Smith (USA) - 57.86 OR
2º - Kylie Masse (CAN) - 58.09
3º - Kaylee McKeown (AUS) - 58.11
4º - Rhyan Elizabeth White (USA) - 58.46
5º - Kathleen Dawson (GBR) - 58.56
6º - Emily Seebohm (AUS) - 58.59
7º - Kira Toussaint (NED) - 59.09
8º - Anastasia Gorbenko (ISR) - 59.30

Foto: Satiro Sodré/CBDA

Nenhum comentário:

Postar um comentário