Breno, goleiro do Brasil, testa positivo para o coronavírus e não embarca para Tóquio - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Breno, goleiro do Brasil, testa positivo para o coronavírus e não embarca para Tóquio

Compartilhe

 


O goleiro Breno, jogador do Grêmio e da seleção olímpica, testou positivo para a Covid-19 e não viajou para o Japão. O time chegou neste sábado (17) a Tóquio. Ele já realizou a contraprova, porém o resultado não saiu e ele teve que ficar na Sérvia, local do amistoso contra os Emirados Árabes, vencido por 5 a 2. A seleção ficará por enquanto com apenas dois goleiros.


Todos os jogadores e comissão técnica testaram negativo na chegada ao país do sol nascente. Breno foi infectado no mês de junho, quando entrou em quarentena e foi substituído no gol do tricolor gaúcho por Gabriel Chapecó. O goleiro titular da seleção é Santos, do Athletico Paranaense e o segundo reserva é Lucão, do Vasco da Gama.


Mesmo após um mês do primeiro exame positivo, não é incomum que mesmo sem sintomas uma pessoa continue dando como infectada nos testes. Sem Breno, a equipe está com 20 jogadores no Japão. O atacante Malcom ainda não se apresentou após ser convocado nesta semana e conseguir a liberação do Zenit para substituir Douglas Augusto, cortado por lesão.


A seleção brasileira estreia contra a Alemanha no dia 22 de julho, às 08h30 no horário de Brasília, no estádio de Yokohama. O grupo D ainda conta com Costa do Marfim e Arábia Saudita.


Foto em destaque: Marco Galvão/ CBF


Nenhum comentário:

Postar um comentário