Luísa Borges e Laura Micucci disputam pré-olímpico de nado artístico neste fim de semana - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Pesquisar:

Últimas Notícias

Luísa Borges e Laura Micucci disputam pré-olímpico de nado artístico neste fim de semana

Compartilhe
O Pré-Olímpico Mundial do nado artístico começa nesta quinta-feira (10) em Barcelona, na Espanha. Atletas de 27 países participam da competição que distribui as últimas vagas para a modalidade em Tóquio 2020. O Brasil será representado por Luísa Borges e Laura Micucci na disputa dos duetos. Maria Bruno é a reserva da equipe.

Estão em jogo três vagas para a competição por equipes (os países também garantem vaga no dueto) e oito para os duetos. O Brasil não está entre os principais favoritos, mas tem chances de brigar com algumas das duplas europeias para conquistar a classificação para os Jogos Olímpicos.
Na prova por equipes, já se classificaram: Japão, Comitê Olímpico Russo, Canadá, Egito, Austrália, China e Ucrânia. Participam do Pré-Olímpico as equipes de Espanha, Itália, França, Hungria, Grécia, Estados Unidos e Coreia do Sul. 

As donas da casa, lideradas pela veterana Ona Carbonell, dona de duas medalhas olímpicas, são as favoritas para uma das vagas. As italianas devem ser as principais adversárias da Espanha. As duas equipes ficaram separadas por menos de um ponto no último Mundial, em 2019. A disputa pela última vaga deve ficar entre Grécia, França e Estados Unidos

Equipe da Espanha no Europeu de 2021 - Foto: Divulgação/LEN
Todos os países que se classificarem para a prova por equipes em Tóquio 2020, também garantem vaga automática nos duetos. Caso Espanha e Itália fiquem no pódio no pré-olímpico, a vaga continental da Europa nos duetos seria repassada para Grã-Bretanha, o que pode ajudar o Brasil, já que as britânicas são concorrentes diretas das brasileiras na classificação olímpica.

Quem não conseguir se classificar por equipes entre Estados Unidos, França e Grécia deve conseguir uma vaga nos duetos. Além desse trio, largam na frente alguns países europeus de menor expressão na modalidade e que tem crescido ao focar apenas no dueto. Um desses países é a Áustria que tem tido ótimos desempenhos com as irmãs gêmeas Anna Maria e Eirini Alexandri. As austríacas conquistaram a medalha de bronze no Campeonato Europeu no último mês, ficando atrás apenas das duplas da Rússia e da Ucrânia. Belarus, Países Baixos e Israel também são favoritas para conseguir uma vaga em Tóquio 2020. 

As irmãs Alexandri na Rio 2016 - Foto: Martin Bureau/AFP
A disputa pelas últimas duas vagas deve ficar entre algumas duplas europeias de Alemanha, Liechtenstein e Suíça, além de Colômbia e Brasil. Brasileiras e colombianas se enfrentaram recentemente no campeonato sul-americano, em março. Luísa Borges e Laura Micucci terminaram na frente na rotina técnica, mas Estefania Alvarez e Monica Arango tiraram a diferença na rotina livre para levarem o ouro.

A disputa por equipe será na quinta (10) e na sexta (11). Já a competição nos duetos será realizada no sábado (12) e no domingo (13). No Brasil, será possível assistir o Pré-Olímpico no canal da Federação Internacional de Natação (FINA) no Youtube.

Foto de capa: Satiro Sodré/SSPress/CBDA

Nenhum comentário:

Postar um comentário