Eric Takabatake para nas oitavas no primeiro dia do Mundial de judô - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Pesquisar:

Últimas Notícias

Eric Takabatake para nas oitavas no primeiro dia do Mundial de judô

Compartilhe

O Brasil não fez uma boa estreia no Campeonato Mundial de judô, em Budapeste (HUN) e conseguiu apenas uma vitória entre os dois pesos ligeiros disputados neste domingo (06). Eric Takabatake parou nas oitavas de final da categoria até 60kg, enquanto Gabriela Chibana foi eliminada ainda na estreia da até 48kg. Apesar das quedas precoces, ambos carimbaram passaporte para a Olimpíada de Tóquio.


Cabeça de chave número 5, Takabatake estreou na segunda rodada e conseguiu uma grande vitória sobre o sul-coreano Lee Harim, quinto colocado no Mundial de 2018. Sem imposição de nenhum dos dois atletas no tempo normal, a luta só ganhou emoção no golden score. Com dois shidôs a seu favor, Takabatake contragolpeou o adversário e aplicou um waza-ari após oito minutos corridos sem pontos.


Nas oitavas, Taka teve pela frente o búlgaro Yanislav Gerchev, em mais um combate que careceu de emoção. Com um shidô pra cada, a luta foi encaminhada novamente para o golden score. Lá, Takabatake sofreu outra punição por falta de combatividade e passou um minuto "pendurado", até receber outro shidô, também por não atacar o adversário, e foi eliminado da competição.


Gabriela Chibana, por sua vez, perdeu na primeira rodada da categoria para a isralense Shira Rishony, 13ª colocada do ranking mundial, por waza-ari. A europeia conseguiu o golpe na metade inicial da luta e controlou o placar até o final. Chibana não encaixou seu estilo e sofreu com o solo de Rishony, principalmente no minuto final. 


Mesmo com a eliminação precoce, Chibana se garantiu nos Jogos Olímpicos de Tóquio. Ela ficou no limite da zona de classificação direta, obtendo a última vaga disponível da categoria. Após perder sua luta, a brasileira precisou torcer contra algumas adversárias, incluindo a chilena Mary Dee Vargas Lay, que ficou a uma vitória de ultrapassá-la. 


O Mundial é a última competição da corrida olímpica do judô. O torneio segue até o próximo domingo (13), com duas categorias (uma por naipe) a cada dia, havendo a disputa por equipes mistas no derradeiro dia. O Brasil conta com 18 atletas. Nesta segunda-feira (07), será a vez de Larissa Pimenta (52kg) entrar em ação. Daniel Cargnin (66kg) também estava inscrito, mas testou positivo para Covid-19.


Foto de capa: Abelardo Mendes Jr./rededoesporte.gov.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário