Emma McKeon vence 100m borboleta no primeiro dia da Seletiva da Austrália - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Pesquisar:

Últimas Notícias

Emma McKeon vence 100m borboleta no primeiro dia da Seletiva da Austrália

Compartilhe

Neste sábado (12), teve início a Seletiva Olímpica e Paralímpica de natação da Austrália. O destaque do primeiro dia de competição foi Emma McKeon, que venceu os 100m borboleta feminino com um tempo de 55.93, quebrando o recorde australiano. McKeon foi ao pódio na prova nos últimos dois mundiais e é candidata a medalha nos Jogos Olímpicos.

Se classificam para os Jogos Olímpicos, os dois melhores nadadores das finais, desde que façam o tempo exigido pela Swimming Australia, a entidade que comanda a natação no país. A Seletiva também está definindo os atletas para os Jogos Paralímpicos, que competem em provas multiclasse, onde a disputa não é com os nadadores da mesma prova, mas sim, com o relógio.

Nos 400m medley masculino, Brendon Smith venceu com 4:10.04, novo recorde nacional. Smith e o segundo colocado, Se-Bom Lee (4:14.16) se classificaram para Tóquio 2020. Em uma final forte, Elijah Winnington venceu os 400m livre masculino com 3:42.65, melhor marca do mundo este ano. Jack McLoughlin terminou em segundo lugar com 3:43.27. O atual campeão olímpico da prova, Mack Horton, nadou abaixo do índice para 3:43.92, mas com o limite de dois atletas por país em cada prova, Horton não poderá defender seu título em Tóquio.

Na natação paralímpica, Lakeisha Patterson (4:42.25) e Ellie Cole (4:47.30) fizeram o índice dos 400m livre feminino - classe S9. Patterson venceu os 400m livre da classe S8 na Rio 2016, enquanto Cole já participou de três Paralimpíadas, conquistando seis medalhas de ouro. Nos 400m livre masculino, Tom Gallagher fez 4:10.62 e bateu o índice da classe S10. Na classe S9, Brendan Hall (4:15.89), Alex Tuckfield (4:16.13), e Harrison Vig (4:19.01) bateram a marca de qualificação. Nos 200m livre masculino - classe S14, Liam Schulter (1:54.46) e Ricky Betar (1:55.53), nadaram abaixo do índice.

Como a Austrália tem um limite de até 32 nadadores na Paralimpíada, nenhum dos atletas está classificado. Ao fim da seletiva, serão convocados os nadadores com os melhores tempos no ranking mundial.

Nas outras finais do dia: 100m peito masculino, 400m medley feminino e 200m livre feminino multiclasse - nenhum atleta nadou abaixo do tempo de classificação.

A seletiva australiana segue até o dia 17. O evento tem transmissão da Amazon Prime Video. As eliminatórias acontecem às 21h30 com as finais no dia seguinte às 6h30 (horários de Brasília).

Foto: Divulgação/Swimming Australia

Nenhum comentário:

Postar um comentário