Brasil vence os Países Baixos e segue em segundo na Liga das Nações de Vôlei - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Pesquisar:

Últimas Notícias

Brasil vence os Países Baixos e segue em segundo na Liga das Nações de Vôlei

Compartilhe
Brasil comemora ponto em partida contra Países Baixos


O Brasil iniciou com vitória a terceira semana da Liga das Nações de vôlei masculino. Em jogo diante dos Países Baixos, a seleção brasileira venceu por 3 sets a 0, com parciais de 25/19, 25/22 e 27/25, em partida na bolha de Rimini, na Itália.


O ponteiro Leal foi destaque do Brasil na partida, com 20 pontos marcados. Ele empatou em pontos com o maior destaque dos Países Baixos, o oposto Nimir Abdel-Aziz, que irá jogar no Modena ao lado de Bruninho e Leal na próxima temporada.


A vitória brasileira foi a de número seis na competição, o que deixa a seleção com a vice-liderança da Liga das Nações. Nesta quinta-feira (10) o Brasil volta a jogar pela semana 3, em partida contra a Bulgária, às 13h (de Brasília). O SporTV transmite a partida.


Times iniciais

Países Baixos: os neerlandeses começaram com o levantador Freek de Weijer; os pontas Robbert Andriga e Bennie Junior Tuinstra; os centrais Michael Parkinson e Luuo van der Ent; o oposto Nimir Abdel-Aziz e o líbero Just Dronkers. Entraram: Gijs van Solkema e Stijn van Tilburg


Brasil: a seleção brasileira teve o levantador Bruninho; os ponteiros Leal e Maurício Borges; os centrais Flávio e Maurício Souza; o oposto Wallace e o líbero Thales. Entraram: Vaccari, Lucarelli, Cachopa e Allan.


O jogo

Os Países Baixos começaram com tudo o primeiro set. Logo eles abriram 4-1 para cima da seleção brasileira com ataque rápido do central van der Ent. O Brasil seguiu em dificuldade, com Maurício Borges sendo bloqueado por Abdel-Aziz em 8-5 para os neerlandeses.


No entanto o Brasil logo entrou na partida em erros dos adversários e melhor ajuste de bloqueio e contra-ataque. Do outro lado os neerlandeses continuavam a errar mais, deixando a parcial tranquila para Bruninho fechar o set em 25/19 com bloqueio simples.


Diferentemente do primeiro set, o Brasil já iniciou com tudo no segundo set, abrindo 10-6 com Leal explorando o bloqueio. Na sequência, o time brasileiro se desestabilizou e observou o Países Baixos encostar no placar em bloqueio do central van der Ent.


Leal superando bloqueio triplo de Países Baixos na Liga das Nações de Vôlei
Leal teve 48% de eficiência no ataque - Foto: FIVB


Mesmo com a vantagem que o Brasil abriu, que chegou a ser de cinco pontos, os neerlandeses buscaram, empatando em 15-15. Na sequência, Bruninho emendou uma bola de segunda, em 16-15 Brasil, e quando os Países Baixos estavam gostando do jogo, Wallace fechou a porta de Tuinstra no ataque (20-18). Os brasileiros então só administraram para abrir 2 a 0 na partida em ataque de Flávio.


Maurício Borges apareceu logo cedo na terceira parcial, marcando o primeiro ponto do set para o Brasil e também o seu primeiro na partida. Mas o oposto neerlandês Abdel-Aziz começou a ser extremamente acionado na partida, virando bolas importantes e prendendo o bloqueio pra ele, o que possibilitou os centrais dos Países Baixos jogarem com tranquilidade. Foi assim com Parkinson marcando o décimo primeiro ponto deles, com dois de diferença sob o Brasil.


Quando o Brasil se encaminhava para fechar o set tranquilamente, Abdel-Aziz marcou três pontos de saque em sequência, pondo os Países Baixos na frente do placar em 21-18 e deixando a vantagem tranquila para diminuírem no jogo. 


Mas não parou por aí, Leal foi pro saque e marcou um ace, além de desestabilizar o ataque adversário em outro saque, o que empatou o jogo em 23-23. O jogo foi até o ponto 27, com bloqueio de Flávio para cima do oposto neerlandês. Vitória brasileira em 3 sets a 0.


Foto em destaque: Divulgação/FIVB

Nenhum comentário:

Postar um comentário