Brasil não toma conhecimento da Croácia, vence e se classifica para a semifinal do Pré-Olímpico mundial de Split - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Brasil não toma conhecimento da Croácia, vence e se classifica para a semifinal do Pré-Olímpico mundial de Split

Compartilhe


O Brasil conseguiu uma vitória incontestável contra a Croácia no Pré-Olímpico mundial de basquete masculino em Split (CRO). Com muita intensidade defensiva e com Petrovic rodando bastante o elenco para não deixar a equipe adversária analisar  melhor suas "armas", o Brasil venceu por 94 a 67 e se classificou para a semifinal do pré-olímpico como primeiro lugar do grupo B.


Agora, o Brasil folga e espera o resultado de Alemanha e Rússia nesta quinta (1º) para saber se adversário na semifinal. Se a Alemanha vencer, o Brasil enfrenta o México. Se a Rússia vencer, eles serão os adversários da seleção por uma vaga na final.


Contra a Croácia, o Brasil teve ótimo aproveitamento nos arremessos (65% nos arremesso de 2 pontos e 45% nos de 3 pontos) e vantagem em todos os fundamentos, o que corroborou a enorme vantagem obtida pelo Brasil no jogo.


O pivô Rafael Hettsheimeir foi o grande destaque do país, com 20 pontos em 20 minutos em quadra. Bruno Caboclo com 17 pontos e 8 rebotes, Léo Meindl com 14 pontos e Marcelinho Huertas, com 6 pontos e 8 assistências, foram outros nomes destacáveis. Pela Croácia, Bojan Bogdanovic foi o cestinha com 16 pontos, mas também foi o destaque negativos pelos seis turnovers (erros de passe) cometidos. Roko Leno Ukic contribuiu com 13 pontos para os croatas.


O jogo

O Brasil começou com um quinteto bem diferente do jogo anterior contra a Tunísia. Inciaram Georginho, Rafa Luz, Leo Meindl, Bruno Caboclo - o único que começou jogando contra os africanos - e Rafael Hetsheimeir. E a mudança surtiu efeito, pois com boas atuações de Rafa Luz e Hettshemeir, o Brasil dominou o primeiro quarto, vencendo por 25 a 20. 


No segundo quarto, o Brasil continuou com a marcação forte e dificultando os arremessos de 3 pontos da Croácia, mas no ataque, começou a cometer mais erros do que o normal, com a diferença que chegou a ser de 7 pontos, caiu para 3. mas com inteligência nos minutos finais e com os croatas mais nervosos, chegando a fazer uma falta antidesportiva, o Brasil disparou novamente e terminou o primeiro tempo na frente por 11 pontos - 45 a 34.


O terceiro período o brasil continuou a rodar seu elenco e a marcar muito forte na defesa. Sem conseguir abrir brechas na defesa brasileira, a Croácia aumentando o seu número de turnovers e sucumbindo a intensidade da nossa seleção. Com Huertas e Benite inspirados, o Brasil fechou o quarto com 16 pontos de vantagem - 71 a 55.


Na última parcial, os croatas já estavam nas cordas e o Brasil manteve a defesa forte e aumentou ainda mais a vantagem. Sem reação, os croatas marcaram apenas 12 pontos no quarto e o Brasil pode comemorar uma bela vitória por 94 a 67.


Detalhe para o fato de apenas Vitor Benite, Bruno Caboclo, Rafael Hettsheimeir e Léo Meindl terem jogados mais de 20 minutos hoje. O pivô Lucas Mariano foi poupado e sequer entrou em quadra.


México surpreende a Rússia e se classifica

A seleção mexicana mostrou que a boa atuação contra Alemanha, em que perdeu por detalhes no último quarto, não foi um acidente. A equipe superou a Rússia por 72 a 64 e se garantiu na semifinal, fazendo com que Rússia e Alemanha, que se enfrentarão nesta quinta, duelem num mata-mata antecipado: quem vencer avança para as semifinais e quem perder está eliminado.


Francisco Cruz mostrou estar em grande fase e após os 30 pontos de ontem, marcou 21 hoje contra a Rússia. Pela Rússia, Semen Antonov foi o maior pontuador com 13 pontos. 


Fotos: FIBA/Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário